DEU NO BLOG POR ESCRITO ( DO JORNALISTA LUIS AUGUSTO GOMES)

Eu quero é prova

Sobre o lema do encontro do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra que trouxe a Salvador o líder nacional João Pedro Stédile: “Derrotar o golpe”, tudo bem, mas quanto a “avançar na pauta popular”, isso tá difícil.

O próprio representante do MST na Bahia, deputado Valmir Assunção (PT), reconhece a “completa paralisação na reforma agrária após anos de lentidão”. De 2011 a 2014, somente 216 áreas tiveram decreto de desapropriação para assentamentos, “índices inaceitáveis”, disse.

“Essa cova em que estás…”

O dado mais cruel, entretanto, vem da Comissão Pastoral da Terra, respeitável organização da Igreja Católica: quarenta e nove assassinatos ocorreram no Brasil por conflito de terras em 2015, número que pode aumentar com a conclusão do levantamento. Mais que isso, só em 2003, com 73 casos.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Janeiro 2016
    S T Q Q S S D
    « dez   fev »
     123
    45678910
    11121314151617
    18192021222324
    25262728293031