Salve o 1º de novembro de relevantes acontecimentos : Dia de Todos os Santos, dos católicos; da descoberta da bela Baia, presente especial da natureza para a fundação da cidade de Salvador (então destinada a ser a rainha do Atlântico Sul,) e data de nascimento do amigo e irmão de sempre, Raimundo Lima. Parabéns, Raimundo, feirense que virou cidadão do mundo, sem abandonar suas raízes.Receba o forte abraço e o afeto do seu sempre amigo, colega e companheiro de profissão e vida. Acompanhado das palavras do poeta Vinícius de Moraes: o fundamental é que a amizade sobreviva.

(Vitor Hugo e Margarida)


Raimundo Lima, cidadão de Salvador:emoção

OPINIÃO

O sanatório geral resiste

No plano da economia, todos os índices são negativos. Inflação, desemprego, contas públicas, câmbio, confiança dos consumidores, expectativa da indústria, vendas no comércio.

No plano político, a presidente da República com 70% de reprovação popular e os presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado investigados nas denúncias de corrupção da Operação Lava-Jato.

No plano social, a educação vai ladeira abaixo, a saúde está nas mortes sem atendimento e nas filas nos hospitais, e a criminalidade e a violência são nossas companheiras do dia a dia.

Entretanto, tudo parece normalíssimo no país, que vive em permanente festa, curte os momentos derradeiros do campeonato brasileiro e se prepara para o próximo Carnaval. Como se nada estivesse acontecendo e apenas sabendo das coisas pela televisão.


BOM DIA!!!

DEU NO BLOG O ANTAGONISTA

Marcelo Odebrecht seguirá preso

A defesa mais uma vez apelou para o “flagrante constrangimento ilegal” ao qual Marcelo Odebrecht estaria sendo submetido, mas mais uma vez deu em nada. O Estadão informa que o STJ negou o pedido de liberdade não só a MO, mas a outros três executivos da empreiteira: Cesar Ramos Rocha, Márcio Faria da Silva e Rogério Santos de Araújo.

Os advogados de Marcelo Odebrecht esperavam que Ribeiro Dantas, responsável pela decisão, fosse “mais sensível” aos melodramáticos pedidos da defesa. A exemplo do já ocorrido com João Vaccari Neto, o ministro do STJ foi “mais sensível” aos apelos de 90% dos brasileiros.

Melhor assim.

nov
01
Posted on 01-11-2015
Filed Under (Artigos) by vitor on 01-11-2015


Cazo,no jornal Comércio de Jahu (SP)


Parentes dos passageiros, em São Petesburgo. / A. M. (EFE)

DO EL PAIS

Egito e Rússia duvidam que o avião russo acidentado na península do Sinai foi derrubado como resultado de um atentado, apesar da reivindicação da queda por parte de um grupo jihadista próximo ao Estado Islâmico. De qualquer forma, até que se esclareçam as causas do desastre, Lufthansa e Air France-KLM decidiram não sobrevoar a zona, onde atuam grupos insurgentes.

Viajavam 224 pessoas no avião que caiu neste sábado na península egípcia do Sinai, informou o primeiro-ministro do Egito, Sherif Ismail.O Governo egípcio detalhou que dos 217 passageiros, 214 eram russos e três ucranianos; 138 mulheres, 62 homens e 17 crianças, segundo a Reuters. O ministério egípcio da Aviação Civil relatou que aviões militares localizaram os restos da aeronave ao sul da localidade de Arish, para onde 45 ambulâncias se dirigiam. O avião, um Airbus A-321, está partido em dois. Fontes da segurança do Egito asseguram que não há sobreviventes.

Pela manhã, um membro da equipe de resgate disse ao jornal egípcio Al Masry Al Youm que ruídos humanos foram ouvidos em meio aos destroços, e que possivelmente haja sobreviventes. “A cena é terrível, os cadáveres estão queimados. Há cinco crianças [mortas], a maioria são mulheres”, acrescentou.

Embora um grupo egípcio afiliado ao Estado Islâmico tenha afirmado no Twitter ter sido o responsável pela derrubada da aeronave, não há indicações de que o avião tenha sido derrubado, informaram à Reuters fontes da segurança egípcia. O ministro russo de Transportes descartou também que se trata de um atentado, afirmando que o comunicado do grupo jihadista “não pode ser considerado preciso”. O avião caiu em uma área montanhosa, e o mau tempo dificulta o acesso das equipes de resgates. Os cadáveres serão levados ao Cairo.

O Ministério de Aviação do Egito informou que o avião era operado pela companhia aérea russa Kogalymavia. Tinha partido às 5h51 (0h51 em Brasília) do balneário de Sharm el Sheikh, destino favorito dos turistas russos no Egito, com destino ao aeroporto Pulkovo, em São Petersburgo, a segunda maior cidade da Rússia, onde deveria aterrissar pouco depois do meio-dia (hora local). O aparelho fazia um voo charter típico do final de temporada, com 200 passageiros adultos, 17 crianças e 7 tripulantes.

As autoridades egípcias relataram que o avião se deslocava a uma altitude de 31.000 pés (cerca de 9.500 metros) quando desapareceu das telas dos radares. Sergei Lzvolsky, da Rosaviatsia, órgão estatal de aviação civil da Rússia, acrescentou que o aparelho não fez contato com os controladores aéreos de Chipre, como estava previsto, “e desde então não apareceu mais nos radares”.

O comitê de investigação da Rússia abriu um inquérito por “violação das regras dos voos e sua preparação” com relação a este caso, segundo a RIA. O presidente russo, Vladimir Putin, manifestou profundas condolências às famílias das vítimas, segundo informações do serviço de imprensa do Kremlin a agências de notícias locais. O primeiro-ministro egípcio formou um comitê de crise para administrar o acidente, segundo nota emitida por seu gabinete.

S.L. Cont

  • Arquivos

  • novembro 2015
    S T Q Q S S D
    « out   dez »
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    23242526272829
    30