DEU NO BLOG POR ESCRITO ( DO JORNALISTA LUIS AUGUSTO GOMES)

Levy ameaçou Lula com demissão

Não por acaso o ex-presidente Lula aliviou o discurso contra Joaquim Levy nas passagens por Teresina e Salvador.

Foi necessário o ministro da Fazenda, inconformado com a dubiedade de Lula sobre o ajuste fiscal e a CPMF, mandar-lhe duro recado.

Levy, como atesta a este blog um economista e jornalista muito inserido no mundo econômico baiano, avisou:

“Eu largo tudo e no outro dia as agências de risco rebaixam a confiança no Brasil, o governo cai e vão atrás dele depois”.

Odebrecht teria documentos a entregar

Por outro lado, informa-se que o presidente preso da Odebrecht, Marcelo Odebrecht, considera a hipótese não de fazer delação premiada envolvendo Lula, mas fornecer documentos que o incriminem na Operação Lava-Jato em pelo menos três casos.

Há provas testemunhais contra o ex-presidente, mas provas documentais teriam, certamente, maior eficácia, avalia a fonte, enquanto a delação premiada seria “o fim da Odebrecht, que é considerada a melhor empresa familiar do mundo”.

De qualquer forma, a empresa passará por mudanças importantes, como, no mínimo, a retirada do caráter familiar para adoção de gestão profissional. “No Japão”, completou a fonte, “seria caso para haraquiri, mas no Brasil não será preciso tanto”.

Be Sociable, Share!

Comentários

Taciano Lemos de Carvalho on 26 outubro, 2015 at 7:22 #

Levy blefou. Se ele for retirado e em seu lugar colocado, como deseja Lula, o homem do Banco de Washington, o goiano Henrique Meirelles, os rentistas internacionais e nacionais iriam, tenho certeza, até dar vivas. Menos o Bradesco, talvez, talvez.

Levy é um protetor dos lucros dos banqueiros, sim. Mas não é tanto quanto Henrique Meirelles. O goiano, que recebe uma fortuna de aposentadoria concedida voluntariamente pelo Banco de Washington, conseguiu transformar Lula —um ex-operário— em o pai dos bancos. Pior, ajudou a esse “pai” ser substituído pela mãezona (sem segundas intenções) dos bancos. “Nunca antes neste país” os banqueiros agiotaram tanto a nação. Lula fala em “ganharam”, mas a classificação correta é agiotaram.

Pensando bem, FHC, Lula e Dilma, transformaram a pátria numa mãezona do sistema financeiro. E aqui, com segundas e terceiras intenções, quanto à zona. Um misto de mãe e zona.


Mariana Soares on 26 outubro, 2015 at 10:41 #

É bem simples isto tudo acontecer…é só pagar para ver…
Lula é um irresponsável, para dizer o mínimo, neste caso específico.
Ele quer que não aconteça o ajuste fiscal e que o povo saia consumindo desvairadamente, para ganhar votos nas próximas eleições, porque é só o que interessa a ele e a corja dele, para continuar roubando descaradamente o país.
E sabe qual é a consequência da falta de ajuste fiscal e da politica econômica que ele quer implantar com Henrique Meireles???????? É o país se afundar mais ainda em dívida…e sabe qual é a consequência disso???? INFLAÇÂO!!! E sabe quem vai mais sofrer com a inflação??? As pessoas mais pobres, que ele finge proteger, porque só finge mesmo, dando bolsa isso, bolsa aquilo, e nenhuma condição de crescimento próprio, porque se começarem a enxergar um palmo a frente do nariz, não votam nunca mais neles e aí…já era os votos para continuar saqueando o pais.
Vida que segue…


Taciano Lemos de Carvalho on 26 outubro, 2015 at 10:49 #

Agora, além de Levy, Lula tem mais um coisa para se preocupar:

PF faz buscas no escritório de filho de Lula em nova fase da Operação Zelotes
http://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/pf-faz-buscas-no-escritorio-de-filho-de-lula/

Lobista envolvido em compra de medida provisória é preso
http://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/pf-deflagra-nova-fase-da-operacao-zelotes/


luiz alfredo motta fontana on 26 outubro, 2015 at 12:35 #

Caro Taciano.

Dona Marisa foi previdente, na dúvida quanto à eficiência da PF, ela labutou e conseguiu dupla nacionalidade para a família, italiana é claro.

Desconhece-se contudo, se Rose também foi agraciada.

E por falar nisso, onde anda Rose?


Taciano Lemos de Carvalho on 26 outubro, 2015 at 12:48 #

Caro Luiz Alfredo Motta Fontana.

Pizzolato também tinha dupla nacionalidade. E nós agora estamos guardando ele aqui na Papuda, em Brasília. Será por pouco tempo, talvez só até março do próximo ano. Mas tomaremos conta dele até lá.


luiz alfredo motta fontana on 26 outubro, 2015 at 12:48 #

Caro Luís.

Levy, o nosso Clark Kent, incrível a semelhança com o alter ego de Superman, pode até ameaçar, mas não detém mais nenhum superpoder.

Fracassou em todas as metas para 2015. Claudica na obtenção de aprovação de sua rudimentar versão de reajuste fiscal.

Alguém ainda acredita nele? Possivelmente nem o Trabuco.

Levy tornou-se na mais moderna versão do antigo ditado: “passarinho que anda com morcego acorda dependurado”. Hoje ele é apenas um ponto fora da curva dos tais Chicagos Boys.

Já Lula, o “namorado” de Rose,caminha a passos largos em direção à Papuda. Breve criará uma nova facção. Ou aceitar um Ministério para cair nas graças morosas de Janot, “o reconduzido”.


luiz alfredo motta fontana on 26 outubro, 2015 at 12:51 #

Pizzolato era “soldado”, mesmo assim resistiu, com capos é diferente.


luiz alfredo motta fontana on 26 outubro, 2015 at 12:53 #

Mas a verdade é que a cada enxadada um filho aparece. Eita terreno cheio de minhocas.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos