MIT- Instituto de Tecnologia de Massachussets:
melhor entre as melhores universidades.

DO PORTAL G1/O GLOBO

Brasil tem 22 universidades (UFBA entre elas) na lista de 800 do QS 2013-2014, que traz o MIT em 1º lugar.

Depois de dois anos de ascensão, a Universidade de São Paulo (USP) recuou cinco posições na edição de 2014 do QS World University Ranking. A lista divulgada nesta segunda-feira (15) tem a universidade paulista na 132ª colocação. Em 2013, ela havia ficado na 127ª posição. Nesta edição, a melhor instituição do mundo, na lista de 800 universidades avaliadas, foi novamente Instituto de Tecnologia de Massachussets (MIT, na sigla em inglês), dos Estados Unidos. A Universidade de Cambridge e a Imperial College de Londres, ambas do Reino Unido, ficaram empatadas na segunda posição.

A USP continua sendo a instituição brasileira e latino-americana mais bem avaliada, e a única do continente a figurar entre as 150 melhores universidades do mundo. Ela é seguida da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), que subiu da 215ª para a 206ª colocação, e da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), que em 2013 ficou na 284ª posição e, em 2014, subiu para o número 271 do ranking.

Nesta edição, os Estados Unidos emplacaram seis universidades no top 10: MIT, a Universidade de Harvard (4º lugar), a Universidade Stanford (7º), Instituto de Tecnologia da Califórnia (Caltech, na 8ª posição), Universidade Princeton (9ª) e Universidade Yale (10ª). Já o Reino Unido completou o top 10 com quatro instituições: além de Cambridge e da Imperial College, a Universidade de Oxford e a Universidade College de Londres (UCL, na sigla em inglês) empataram com a 5ª colocação.

No total, o Brasil tem 22 universidades na lista das 800 melhores: três são particulares, cinco são estaduais e 14 são federais. O número e o nome das instituições segue igual à edição anterior.

Lista das instituições brasileiras no ranking QS 2014:
132) Universidade de São Paulo (USP)
206) Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
271) Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
421-430) Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp) e Universidade Federal de São Paulo (Unifesp)
451-460) Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
471-480) Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
501-550) Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio)
551-600) Pontificia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), Universidade de Brasília (UnB) e Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)
601-650) Universidade Federal da Bahia (Ufba)
651-700) Pontificia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS), Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e Universidade Federal do Paraná (UFPR)
701-800) Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), Universidade Estadual de Londrina (UEL), Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Universidade Federal de Viçosa (UFV), Universidade Federal do Ceará (UFC), Universidade Federal do Pernambuco (UFPE) e Universidade Federal Fluminense (UFF)

Be Sociable, Share!

Comentários

jader on 15 setembro, 2015 at 21:37 #

Oops ! Ato falho ! Não é pátria educadora !!!? É estado (de SP) educador !!!!


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • setembro 2015
    S T Q Q S S D
    « ago   out »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930