DEU NO BLOG O ANTAGONISTA

Ainda pagamos Mantega

Nossos leitores não deixaram escapar: desde janeiro, o ex-ministro da Fazenda Guido Mantega recebeu do governo federal 281 107,30 reais. Grande parte do dinheiro (154 673,50 reais) foi paga a título de “outras remunerações eventuais”.

Em janeiro, recebeu 68 589,35 reais de verbas indenizatórias. Em fevereiro, 61 869,40 reais de “outras remunerações eventuais”, além de 19 701,41 reais de jetons, honorários pagos quando se participa do conselho administrativo de uma estatal – Mantega fazia parte do Conselho da Petrobras quando era ministro. Em março, 30 934,70 reais de “outras remunerações eventuais” e 18 441,63 reais de jetons. Em abril, recebeu mais 30 934,70 reais de “outras remunerações eventuais”. Em maio, o dado mais recente do Portal da Transparência da CGU, mais 30 934,70 reais, sob mesma justificativa.

Segundo a CGU, “outras remunerações eventuais” são valores pagos em decorrência de acertos de meses anteriores, exercícios anteriores ou decisões judiciais, que não compõem a base de cálculo do teto constitucional.

O Financial Times tem razão: o Brasil é um pesadelo sem fim.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos