DEU NO SITE BAHIA NEGÓCIOS

Acompanhado pelos comandantes da Marinha, almirante Eduardo Leal Ferreira Bacelar, do Exército, general Eduardo Dias Villas-Bôas e da Aeronáutica, brigadeiro Nivaldo Luiz Rossato, o ministro da Defesa, Jaques Wagner, está em Porto Príncipe, onde o Brasil comanda, há 11 anos, a missão de paz da Organização das Nações Unidas (ONU).

Foi recebido pelo Force Commander, general José Luiz Jaborandy Júnior, que fez uma palestra detalhando como se dá a atuação das tropas brasileiras integrantes da Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti (Minustah) e esteve reunido com a Secretária-geral das Nações Unidas, Sandra Honoré.

Na última segunda feira Wagner participou de uma longa reunião no palácio do Planalto, do núcleo político do Governo, atendendo convocação da presidente Dilma Rousseff. E só.

Be Sociable, Share!

Comentários

Taciano Lemos de Carvalho on 22 julho, 2015 at 12:49 #

Triste! Indo supervisionar a intervenção estrangeira no Haiti. Brasil continua fazendo as vezes de pau-mandado dos Estados Unidos. Não invadiram. Mandaram o Brasil.


Taciano Lemos de Carvalho on 22 julho, 2015 at 12:54 #

A postura física do ministro da Defesa — mostrada na foto— dá bem uma ideia do quanto ele é comandante. Ombro pra frente, peito pra trás, boca aberta. Um protótipo do que não deve ser um comandante. Nem mesmo um recruta.


luis augusto on 22 julho, 2015 at 16:08 #

Convenhamos, uma palhaçada sem tamanho.


vitor on 22 julho, 2015 at 18:07 #

“Francamente!”, diria o gaúcho Leonel Brizola, resumindo tudo.


Taciano Lemos de Carvalho on 22 julho, 2015 at 19:20 #

Diria também Leonel Brizola: “Na verdade, na verdade, esse sujeito é um enganador.”


luiz alfredo motta fontana on 23 julho, 2015 at 9:36 #

A posição esta correta, ajoelhado na trincheira, fim condizente ao homem que sonhava com a ponte de 13 km e seus penduricalhos.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos