Paulo Miguez:”Ele não queria ninguém no enterro, mas por
pirraça a pirracento estamos aqui”, disse o vice-reitor da UFBA
no Campo Santo.

De Maria Olívia Soares

No Facebook

Uma palavrinha sobre o sepultamento do Professor Albergaria:
Amigos, alunos, colegas, reitor, acadêmicos, anônimos que ‘conheciam’ Alberga pelas ondas da Rádio Metrópole … muitos compareceram para o adeus ao mestre na manhã ensolarada do domingo (5) em Salvador. Palavras bonitas foram ditas pelo professor Joviniano Neto, como sempre tão querido e solidário, por Paulo Miguez, por Luiz Mott… Mas a emoção bateu fortíssima quando duas jovens vizinhas do professor e a filha de Ubiratan Castro (Bira) deram seu depoimento, momento de delicadeza, único. E para sempre. Sua vizinha do lado, fez a leitura, carregada de emoção, do lindo texto que Pablo Reis publicou no twitter e no facebook.
Roberto Albergaria de Oliveira foi um dos maiores nomes da história da Universidade Federal da Bahia (Ufba), muito além do ambiente acadêmico, ele conquistou espaço na sociedade e a credibilidade na imprensa baiana por sua capacidade de falar com propriedade dos mais variados temas, não conheço nenhum jornalista baiano que não tenha bebido na fonte de Albergaria. Quem não conhece a expressão ‘Não tem especialista? Ouve Albergaria’.
Saudades.

(Maria Olivia Soares é jornalista)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos