jun
11

O padre Antonio Alves de Almeida, capelão do Cemitério Bosque da Paz, em Salvador, foi encontrado morto na noite de ontem (10), no bairro da Boca do Rio, em Salvador. Segundo a polícia, o corpo do Padre Almeida, como era chamado pelos paroquianos da igreja católica, foi localizado por uma vizinha amarrado, com sinais de violência dentro da casa onde morava, na rua Heitor Dias.

É o segundo assassinato de religioso católico em menos de seis meses na capital baiana, em áreas próximas na cidade e com sinais semelhantes de barbaridade e violência na execução do crime. O outro foi em Itapuã, em matagal nas proximidades do Centro de Treinamento de Líderes da Arquidiocese de Salvador, Primaz do Brasil

Uma equipe da Polícia Militar esteve no local por volta das 22h30 e isolou a área. Lá, os policiais encontraram o padre Almeida – como era conhecido – no chão de um dos cômodos, com cortes no pescoço, lesões na cabeça, pés e pescoço amarrados com corda de sisal. Ao lado do corpo havia um tijolo quebrado e uma faca.

Ainda de acordo com a polícia, a casa do padre estava muito desarrumada, mas os autor do crime não levou o carro, um Chevrolet Corsa Sedan.

O corpo e as armas envolvidas no crime foram removidos pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT) e encaminhados para o Instituto Médico Legal Nina Rodrigues (IMLNR). A autoria e a motivação do crime estão sendo investigadas pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

De acordo com a Arquidiocese de Salvador, o padre era o capelão do cemitério Bosque da Paz. Segundo informações de funcionários do local, Padre Almeida costumava celebrar missa de encomendação de corpos e em memória dos mortos, que acontecem duas vezes ao mês. As próximas celebrações do capelão seriam nos dias 14 e 28 de maio.

O homicídio do Padre Almeida é investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Não há informações sobre a autoria e motivação do crime.

(Com informações do Correio24Horas)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos