DEU NO CORREIO24HORAS/COLUNA SATÉLITE

Investigadores da Operação Lava Jato coletaram novos indícios que podem complicar a vida do ex-ministro e ex-deputado Mario Negromonte, atual conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). De acordo com fontes que integram a força-tarefa da Lava Jato, um dos operadores de propina presos por ligação com o esquema forneceu, recentemente, pistas sobre movimentações financeiras que teriam sido ocultadas pelo ex-parlamentar do PP durante a campanha de 2010. Delegados da PF e procuradores da República têm interesse especial em detalhes relacionados à delação premiada do ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa . Em um dos seus depoimentos, datado de 2 de setembro de 2014, Costa diz que repassou R$ 5 milhões a Negromonte no primeiro semestre daquele ano, antes do início oficial das eleições. Negromonte, alvo de inquérito no Supremo, sempre negou qualquer envolvimento no escândalo de corrupção.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos