fev
12

DEU NO DIÁRIO DE NOTÍCIAS, DE LISBOA

Vários estabelecimentos comerciais de Caracas começaram nesta quarta-feira (11) a exigir aos clientes que apresentem a certidão de nascimento dos filhos para autorizar a compra de fraldas, um dos produtos que escasseiam no mercado venezuelano.

“Notifica-se ao público em geral que a partir de 11/02/2015 para a venda de fraldas para crianças se requer [a apresentação da] certidão de nascimento em original e o bilhete de identidade dos pais, sem exceção”, lê-se num aviso colocado à entrada de um estabelecimento comercial no centro da capital venezuelana.

A medida desagradou às dezenas de clientes que faziam filas para comprar produtos, apesar de alguns estabelecimentos comerciais estarem já a exigir a apresentação do bilhete de identidade e a limitar a quantidade de produtos que cada cliente pode comprar semanalmente.

“Não me parece nada sensata esta medida, não podemos arriscar-nos a andar com a certidão de nascimento original de aqui para acolá por simples gosto, porque pode-se extraviar ou deteriorar”, disse Sandra Sánchez aos jornalistas.

Nas proximidades, outro estabelecimento aplicava a mesma medida para a venda de fraldas, ignorando os clientes que estavam no local com bebês nos braços.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Fevereiro 2015
    S T Q Q S S D
    « jan   mar »
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    232425262728