DEU NO PORTAL A TARDE (COM INFORMAÇÕES DO ESTADÃO)

Vera Rosa e Tânia Monteiro

A presidente Dilma Rousseff se reuniu na noite desta terça-feira, 6, com ministros do PT que participam da coordenação de governo para fazer uma avaliação do cenário político e analisar as sugestões dos aliados para os cargos do segundo escalão. O PMDB do Senado ameaça se rebelar se não for bem aquinhoado em empresas estatais e o governo está preocupado com a possibilidade de reinstalação da CPI da Petrobras, em fevereiro.

Após cinco dias de descanso na Bahia, Dilma chamou para uma conversa, no Palácio da Alvorada, os ministros Aloizio Mercadante (Casa Civil), Ricardo Berzoini (Comunicações), Jaques Wagner (Defesa) e Pepe Vargas (Secretaria de Relações Institucionais).

Os petistas não escondem a contrariedade com a pressão do PMDB e tentam reagir, segurando o avanço do aliado sobre os domínios do PT. Querem manter, por exemplo, o Banco do Nordeste, uma indicação do governador do Piauí, Wellington Dias.

Wagner chegou a sair da reunião no Alvorada, mas voltou mais tarde para tratar com Dilma das nomeações dos comandantes do Exército, Marinha e Aeronáutica. No fim de semana, ele conversou com os candidatos a ocupar os principais postos das Forças Armadas.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos