vulgação
O juiz federal Sérgio Moro: ainda há outros 27 denunciados
que podem se tornar réus em ação
============================================

Um dia depois de o Ministério Público Federal (MPF) ter apresentado denúncia contra 36 pessoas investigadas por envolvimento em esquema de desvios de dinheiro na Petrobras, o juiz Sérgio Moro acatou nove dos nomes, nesta sexta-feira (12).

Entre os denunciados aceitos pelo juiz, conhecido como o caçador de corruptos, estão alguns executivos de grandes empreiteiras. São eles: o doleiro Alberto Youssef, Paulo Roberto Costa (ex-diretor de abastecimento da Petrobras), Waldomiro de Oliveira, Carlos Alberto Pereira da Costa, Enivaldo Quadrado, Gerson de Mello Almada, Carlos Eduardo Strauch Albero, Newton Prado Júnior e Luiz Roberto Pereira.

Com a decisão, os investigados se tornam automaticamente réus na ação penal analisada pela Justiça como consequência da Operação Lava Jato, que já constatou o desvio de ao menos R$ 300 milhões da Petrobras por meio de pagamento de propinas e contratos fraudulentos. O MPF pede indenização mínima à União de R$ 1 bilhão por parte dos acusados.

Em seu despacho, o juiz afirmou ainda que há indícios de que os acusados também cometeram os crimes de formação de cartel, frustração à licitação, lavagem de dinheiro, corrupção ativa e passiva, evasão fraudulenta de divisas, uso de documento falso e sonegação de tributos federais.

Ainda há outros 27 denunciados, em sua maioria ligados a empreiteiras, para terem suas denúncias aceitas pela Justiça.

IG,* Com Agência Brasil

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos