==================================================

DEU NO JORNAL DIÁRIO DE NOTÍCIA, DE LISBOA

Conhecido por César, o sem-teto uruguaio-* aproximou-se de José Mujica quando este respondia ao jornalista que o entrevistava em Montevideu para a televisão do Uruguai. “Uma moeda para comer”, pediu o homem e disse que ia chorar. O presidente pediu a uma pessoa próxima para ajudar, mas César insistiu: “Uma moeda tua, Pepe!”

Mujica meteu então a mão ao bolso e tirou uma nota de cem (menos de 3,50 euros) pesos da carteira. “Olha, irmão, moeda não tenho, mas não chores!”, disse o presidente. Ao que César respondeu: “Quero que sejas presidente a vida toda”.

“Não, não! Estás louco!”, retorquiu Mujica, arrancando risadas a todos os que assistiam à cena

Conhecido por César, o sem-abrigo aproximou-se de José Mujica quando este respondia ao jornalista que o entrevistava em Montevideu para a televisão do Uruguai. “Uma moeda para comer”, pediu o homem e disse que ia chorar. O presidente pediu a uma pessoa próxima para ajudar, mas César insistiu: “Uma moeda tua, Pepe!”

Mujica meteu então a mão ao bolso e tirou uma nota de cem (menos de 3,50 euros) pesos da carteira. “Olha, irmão, moeda não tenho, mas não chores!”, disse o presidente. Ao que César respondeu: “Quero que sejas presidente a vida toda”.

“Não, não! Estás louco!”, retorquiu Mujica, arranco risadas a todos os que assistiam à cena

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos