Mais um fiasco tricolor na Fonte
====================================

DEU NO CORREIO DA BAHIA

Da Redação

O Bahia perdeu para o Atlético-PR por 2 a 1 na noite deste sábado (22) e pode ser rebaixado já neste domingo, caso Vitória e Chapecoense vençam suas partidas. O tricolor ainda tem pela frente dois jogos: Grêmio na Fonte Nova no próximo domingo (30) e por fim o Coritiba, no Couto Pereira na rodada final.

O Bahia entrou em campo precisando vencer para continuar vivo na Série A. O técnico Charles repetiu a escalação do time que venceu o Criciúma no meio da semana, com uma diferença: com Kieza lesionado, Henrique começou jogando como titular. Embora o time tenha começado pressionando, mais uma vez encontrou dificuldades para marcar e perdeu vários gols.

A melhor chance do time tricolor foi aos 37 minutos, quando Bruno Paulista recebeu pela esquerda, ajeitou e mandou para o gol. A bola desviou em Willian Rocha e passou muito perto da trave de Weverton. Mas os times foram para o intervalo com placar em 0 a 0. Sem ambições no campeonato, o Atlético-PR tentava construir jogadas no contra-ataque. Aos 16 minutos da segunda etapa, o time visitante conseguiu marcar. Em cobrança de escanteio, William Rocha tentou cabecear, a bola bateu em Fahel e entrou.

O Bahia tentou responder rápido com Lucas Fonseca, que desviou a bola depois de cobrança de falta de Galhardo, mas o goleiro Weverton fez boa defesa. Logo depois, o Furacão aumentou o placar. Bady recebeu na entrada da área, fintou e chutou no canto de Marcelo Lomba, fazendo o segundo do Atlético. Dois minutos depois, o Bahia diminuiu com Henrique. William Barbio, que havia entrado no lugar de Rafael Miranda, cruzou rasteiro e o atacante apareceu na pequena área para conferir. Foi o primeiro gol do jogador pelo Bahia no Brasileirão.

Charles colocou o time para cima, trocando Pará pelo atacante Jeam e o Bahia tentava criar chances de empatar a partida, mas sem sucesso. O Atlético tocava a bola administrando o placar e o Bahia não conseguia se impor. O time baiano teve dois lances que o árbitro poderia ter marcado pênalti, mas o juiz não sinalizou as infrações de Cleberson. Aos 46 o Bahia teve a última chance. Lincoln cruzou, a bola sobrou para Fahel e o volante mandou muito forte, isolando o chute e dando fim às esperanças tricolores.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos