set
21
Postado em 21-09-2014
Arquivado em (Artigos) por vitor em 21-09-2014 00:04

==================================================================


DEU NO BLOG POR ESCRITO (EDITADO PELO JORNALISTA LUIS AUGUSTO GOMES)

OPINIÃO

Foi impactante aos olhos e mentes, em todas as emissoras, a divulgação dos índices da mais recente pesquisa presidencial do instituto Datafolha, tido em geral como o mais confiável no setor, por só prestar seus serviços ao jornal Folha de S. Paulo e à TV Globo.

São números fugidios, que oscilam dentro ou pouco além da “margem de erro”, mas todos mostrando em seus gráficos coloridos “tendências” que fazem dos eleitores seres absolutamente inseguros, que conduzem os resultados para lá e para cá sem que se saiba exatamente o que os terá movido.

Dilma Rousseff (PT) em vermelho, Aécio Neves (PSDB) em azul, com suas curvas ascendentes, enquanto a linha amarela de Marina Silva (PSB) sempre em queda, produzindo-se na tela um efeito visual altamente convincente, embora entre o primeiro e o último ponto tenham transcorrido apenas 20 dias.

Mesmo os levantamentos relativos ao segundo turno, em que Marina é apresentada na liderança, transmitem a sensação de perda contínua, ainda mais que, da frente inicial de dez pontos percentuais em relação a Dilma, as duas candidatas agora estão em “empate técnico”.

A simulação Marina x Aécio é ainda mais disparatada. Os 14 pontos de vantagem que a candidata do PSB tinha no dia 29 de agosto, depois de ter superado espetacularmente o adversário do PSDB, reduziram-se a seis, sugerindo que mais um pouco e as posições, também neste caso, se inverterão.

Não é a realidade que se sente nas ruas, mesmo na Bahia, onde, dizem, a posição da candidata do PT é a mais forte em todo o país. Nota-se um esforço muito grande na manipulação de dados, mas é difícil que venha a ser suficiente para tirar Marina da disputa final.
l

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • setembro 2014
    S T Q Q S S D
    « ago   out »
    1234567
    891011121314
    15161718192021
    22232425262728
    2930