DEU NA TRIBUNA DA BAIA

Maira Côrtes

Uma coletânea de biografias que marcaram o Brasil está reunida no livro “(As) 51 personalidades (mais) marcantes do Brasil”, do político, empresário e membro da Academia Baiana de Letras, Joaci Góes.

A obra, de 877 páginas, reúne histórias de vida de pessoas como o Padre Antônio Vieira, Lula, Dorival Caymmi, Chico Xavier, Ayrton Senna, entre outras figuras brasileiras, está sendo lançada hoje durante sessão literária, que ocorre das 16h às 21h, na Livraria Cultura do Salvador Shopping.

A seleção feita pelo autor trata de vidas que fizeram ou fazem história no Brasil, de acordo com uma seleção de ordem pessoal. De forma heterogênea, a coletânea traz histórias de gente que deixou marcas na poesia, na política, na música, no esporte, na educação e em outros segmentos sociais. “Eu fui refletindo sobre quem seriam essas 51 personalidades e cheguei a esta lista, que no limite das minhas fraquezas, busquei observar a relevância e os impactos dessa pessoa na vida da sociedade brasileira”, explicou Góes.

O empresário, que começou a ler biografias aos dez anos, não consegue mensurar a quantidade de obras desse tipo de literatura ele já leu ao longo da vida, mas confessa que esta o fascínio ajudou a escrever esta obra. “Sempre tive interesse em conhecer a vida de grandes personalidades do Brasil e do mundo. Então posso dizer que este é um trabalho de toda a vida”, resumiu o autor, que dedicou três anos para completar as biografias e mais dois para escrever o livro.

Em relação aos políticos escolhidos, Joaci Góes disse que procurou fazer um retrato expressivo das personalidades sem julgamentos. Uma das figuras retratadas é o ex-presidente do Congresso Nacional, José Sarney.

Para ele, a personalidade perante a história é o que interessa. “Sarney é um sujeito decano que ficou 60 anos na política brasileira. Foi líder da ditadura, fez alianças e destruiu a ditadura, assumiu a presidência entre outras importantes participações na conjuntura do país. Ou seja, aos 84 anos completados, ele precisa descansar”, disse o literário.

A obra é indicada para quem quiser saber um pouco mais sobre pessoas que Góes considera extraordinárias, “que são pessoas comuns, mas que fizeram algo fantástico para capazde deixar marcas na sociedade”, ressaltou.

Em breve, Joaci Góes pretende lança seu próximo livro, “As Sete pragas que assolam o Brasil”, que já está quase pronto, segundo ele. A obra fala dos problemas que para o autor, são responsáveis pela situação do país como educação, saúde, segurança pública, impunidade, corrupção, infraestrutura e partidos políticos.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos