Parque de Exposição: Dilma , Lula e Rui na Convenção do PT

======================================================


================================================================

DEU NO VARELA NOTÍCIAS E NA TRIBUNA DA BAHIA

Mesmo sendo eleita no grupo que foi formado para as eleições de 2010, a senadora Lídice da Mata não poupou críticas ao movimento feito pelo PT na convenção que confirmou a candidatura de Rui Costa ao governo do estado.

Em entrevista na Rádio Metrópole, Lídice foi ácida quanto ao formato da convenção: “festa pré-concebida para ser um espetáculo. Um espetáculo que possa mostrar a força de uma candidatura que tem demonstrado pouca força individual”, afirmou.

A senadora, candidata ao governo do estado pelo PSB, também criticou o modelo adotado pelo PT em eventos desse porte, em comparação à convenção realizada pelo partido que a lançou candidata:

“Nós mostramos uma convenção muito rica com participação e espontaneidade, sem ninguém ganhando (dinheiro), recebendo apoio de transporte ou qualquer outro tipo de apoio”, analisou.

Lídice também citou a pesquisa feita pelo Ibope, em que aparece na segunda colocação, superando inclusive o rival do PT, que minimizou a performance da única mulher na briga pelo governo do estado: “Quem está desidratado é o candidato do governo, que precisa trazer a presidente Dilma, trazer Lula e gastar muito dinheiro para encher uma convenção”, criticou.

Lídice afirmou também que não se sente intimidada por qualquer cobrança do PT, principalmente ao fato de ter sido eleita pela chapa montada pelo partido em 2010, e analisou as renúncias que teve de fazer até tomar a decisão de montar uma candidatura:

“Abrimos mão para apoiar Pinheiro, fui vice dele. Depois não concorri para apoiar Nelson Pelegrino e naquela oportunidade disse ao governador por escrito e pessoalmente que não era possível que os outros partidos estivessem compondo apenas para enfeitar a aliança.”

A senadora também criticou a falta de projetos do candidato de Wagner e a ausência de marcas que representem o governo petista na Bahia. “O governo de Wagner teve poucas metas, dispersou muito os serviços e tem poucas marcas. Basta verificar a propaganda do governo”.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos