DEU NA FOLHA

Mônica Bergamo

A recepção da torcida a Dilma Rousseff no jogo de abertura da Copa, no Itaquerão, em SP, será decisiva para a presença dela em outras partidas. Vaias sepultarão de vez a possibilidade de a presidente ir a outras arenas, além do Maracanã, na final.

BOM CONSELHO

Anunciada e depois “cancelada”, a ida de Dilma ao jogo de Alemanha contra Portugal, em Salvador, por exemplo, ainda não foi eliminada definitivamente das possibilidades de viagens da presidente. Até Lula, no entanto, acha melhor que ela fique em casa neste dia.

VIP DEMAIS

Uma das dores de cabeça dos organizadores da Copa é o camarote de autoridades na abertura do Mundial, no Itaquerão. Até agora, 12 chefes de Estado confirmaram presença. Mas é possível que pelo menos o dobro apareça de última hora, o que dificultaria o assento de todos na mesma área nobre.

CHARME

A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, por exemplo, ainda não confirmou presença na abertura.

Mas sua chegada ao Brasil nesta semana é dada como certa pelo governo.

IR OU NÃO IR

O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, também foi convidado para a abertura. Ainda não confirmou sua presença.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos