Greve: prefeito comanda mesa de emergência

=========================================

CORREIO DA BAHIA

Da Redação

Os motoristas de ônibus que não aderiram ao movimento grevista contarão com a segurança de policiais militares para circular pelas ruas de Salvador. O prefeito ACM Neto, o secretário da Segurança Pública, Maurício Barbosa, o presidente do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Salvador (Steps), Horácio Brasil, e o superintendente da Transalvador Fabrízzio Muller se reuniram no Palácio Thomé de Souza, na manhã desta terça-feira (27), para definir estratégicas para garantir a manutenção de 70% da frota de ônibus em circulação.

O secretário de segurança garantiu que fornecerá policiais militares para acompanhar os rodoviários. Segundo a Prefeitura, o Setps está realizando o levantamento dos coletivos que estão nas garagens das empresas e podem voltar a circular ao longo do dia.

Durante a reunião, o prefeito também telefonou para o presidente do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), Valtércio de Oliveira, para pedir agilidade no julgamento do dissídio coletivo, antes previsto para a próxima sexta (30) e antecipado para esta quinta-feira (29).

Na segunda-feira (26), o TRT determinou que uma frota mínima com 70% dos ônibus circule por Salvador nos horários de picos. Caso a decisão não seja cumprida, o sindicato da categoria deverá pagar multa diária de R$ 100 mil.

A decisão é uma liminar que foi pedida por dois sindicatos do setor de transporte para garantir a circulação dos ônibus e evitar manifestações que possa interferir no trabalho dos rodoviários que não optarem por parar.

É entendido como horário de pico o período das 4h30 às 8h30 e das 17h às 20h. Nos demais horários, deve ser mantido um mínimo de 50% da frota.

Grupo de acompanhamento

A reunião desta terça-feira (27) resultou na criação de um grupo de acompanhamento e ação formado por representantes da SSP, Secretaria Municipal de Urbanismo e Transportes e Setps, que se reunirá sempre às 9h no Palácio Thomé de Souza, até o fim da greve.

Esse grupo vai avaliar os rumos do movimento e tomar as medidas necessárias para garantir, dentro do que determinou o TRT, a prestação do serviço de transporte público na cidade. Além disso, no final do dia haverá outra reunião de avaliação da Prefeitura.

maio
27
Posted on 27-05-2014
Filed Under (Artigos) by vitor on 27-05-2014

Altemar e Cauby, dois campeões, na concentração do BP!, enquanto Salvador pára (e se inquieta), atropelada pela greve nos transportes.

( Gilson Nogueira e Vitor Hugo Soares)

maio
27
Posted on 27-05-2014
Filed Under (Artigos) by vitor on 27-05-2014

DEU NO BLOG DE FERNANDO RODRIGUES/ UOL-FOLHA

O ministro Marco Aurélio Mello rejeitou nesta terça-feira (27.mai.2014) uma ação proposta ao Supremo Tribunal Federal pelo Partido dos Trabalhadores. A ADPF (Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental) do PT pedia que a Corte fixasse uma jurisprudência garantindo a todo preso no regime semiaberto o direito de trabalhar fora da cadeia durante o dia –independentemente de já ter cumprido ou não 1/6 de sua pena.

Para o ministro Marco Aurélio, que era o relator da ação, a petição inicial do PT teve de ser indeferida liminarmente por ser um instrumento impróprio, do ponto de vista processual, para o caso em análise. Nesses casos, o mérito do pedido nem chega a ser analisado.

O PT citava na ADPF o presidente do STF, Joaquim Barbosa, autor de várias decisões recentes que interrompeu o benefício de trabalhar fora para vários réus condenados no processo do mensalão.

Marco Aurélio considerou que as ações apresentadas pelos réus dos mensaleiros são o instrumento adequado para que o STF se pronuncie a respeito. José Dirceu, Delúbio Soares e Valdemar Costa Neto são alguns dos presos que buscam o direito de trabalhar fora durante o dia e estão recorrendo da decisão de Joaquim Barbosa.

A atitude de Marco Aurélio, entretanto, não significa que ele concorde com as decisões tomadas por Joaquim Barbosa. Na década de 90, ele decidiu de maneira contrária por considerar não ser necessário detentos no regime semiaberto terem de esperar 1/6 do cumprimento da pena para terem o direito de trabalhar fora durante o dia.

Outro ministro que na década de 90 votou como Marco Aurélio foi o decano (o integrante mais antigo do STF), Celso de Mello. Já seriam dois votos contra a decisão de Joaquim Barbosa.

Ocorre que as ações propostas pelos advogados dos mensaleiros não estão na pauta do STF nesta semana. Podem, em tese, ser analisadas por Joaquim Barbosa na semana que vem, de maneira monocrática –decisão apenas do presidente do STF. Em seguida, os advogados podem recorrer ao plenário do Tribunal.

Mas esse processo então tende a demorar várias semanas. E há 3 consequências principais.

==========================================

DEU NO JORNAL A TARDE

PATRÍCIA FRANÇÃO

O governador Jaques Wagner (PT) disse,na noite de segunda-feira, 26, não ter qualquer preocupação com indicação do deputado federal Mário Negromonte (PP) para conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), porque “não faz linchamento de inocente até prova em contrário”.

Negromonte foi flagrado, segundo revelou reportagem da revista Veja, entrando na sala do doleiro Alberto Youssef, preso na operação Lava Jato da Polícia Federal, acusado por lavagem de dinheiro e evasão de cerca de R$ 10 bilhões.

Wagner deu a declaração após se reunir, por cerca de três horas, com 32 dos 46 deputados da sua base. Foi pedir voto para os três deputados do PP, PT e PDT indicados para vagas nos tribunais de contas do estado (TCE) e dos municípios (TCM).

Segundo revelou um dos parlamentares presentes, o governador alertou que a rejeição de qualquer um dos nomes seria entendida como uma derrota pessoal sua e do candidato ao governo Rui Costa (PT).

Registre-se que o presidente do PP na Bahia, deputado João Leão, integra a chapa governista como pré-candidato a vice. Wagner precisará de 32 votos a favor para aprovar, na sessão de amanhã, cada um dos indicados. “Estou tranquilo quanto a isso”, disse o governador. A votação é secreta.

Além de Negromonte, disputa vagas no TCE o deputado federal Zezéu Ribeiro (PT), indicação pessoal de Wagner que deseja colocar mais um petista no tribunal, assim como fez com o ex-deputado Zilton Rocha; e o deputado estadual João Bonfim, do PDT, partido que perdeu a vice na chapa de Rui.

Prevista inicialmente para ocorrer no gabinete da presidência do Poder Legislativo, a reunião foi transferida para a Fundação Luis Eduardo Magalhães (Flem), no CAB, para evitar “constrangimentos” aos parlamentares.

Da reunião, que dos aliados só não contou com representantes do PCdoB e do PRB, participaram os indicados ao cargo de conselheiro de contas. Eles serão sabatinados pelos demais deputados, hoje às dez horas, na Assembleia , juntamente com o deputado Carlos Gaban (DEM).

O democrata vai disputar umas das vagas do Tribunal de Contas do Estado (TCE) por indicação unânime dos 17 deputados da oposição na Assembleia. O argumento é de que a vaga que o governo quer destinar a Zezéu pertence ao Legislativo baiano.

O líder da oposição, deputado Elmar Nascimento (DEM) acusa o governador de “intromissão indevida” no Poder Legislativo. Ele disse que a oposição votará em João Bonfim e liberou a bancada quanto ao voto em Negromonte, dizendo que a responsabilidade da indicação é de Jaques Wagner.

“Como ele é amigo do Ministro da Justiça (Eduardo Cardozo), tem acesso à Polícia Federal, deve saber o que de fato está acontecendo. Então, se houver ônus, é dele”, lavou as mãos o democrata.

O ex-ministro das Cidades Mário Negromonte disse, por sua vez, que não tem nada a temer e garantiu ter “vínculo zero” com o doleiro.

“O juiz do caso, Sérgio Mouro, que encaminhou ao Supremo os processos dos deputados não cita o meu nome. Então, não vou comentar uma notícia de revista, porque não tem inquérito, processo e denúncia”. Ele disse que vai tranquilo para a sabatina de hoje.

maio
27
Posted on 27-05-2014
Filed Under (Artigos) by vitor on 27-05-2014


================================================
Miguel, hoje, no Jornal do Comércio(pe)

===========================================

DEU NO CORREIO DA BAHIA

Se a eleição para governador da Bahia fosse hoje, Paulo Souto seria o escolhido no primeiro turno com 42% dos votos, mais do que a soma das intenções dos outros quatro candidatos (23%), revela a primeira pesquisa Ibope/CORREIO para o pleito de outubro.

Pré-candidato da aliança de oposição ao governo Jaques Wagner (PT) que reúne, entre outros, DEM, PMDB e PSDB, Souto larga na frente na pesquisa estimulada, 31 pontos percentuais diante da senadora Lídice da Mata (PSB) que tem 11% das intenções de votos apuradas. O pré-candidato da situação, Rui Costa, seria o terceiro, com 9%. Lídice e Costa estão tecnicamente empatados. A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

Os demais pré-candidatos são Rogério da Luz (PRTB), com 2%, e Marcos Mendes (PSOL), com 1% das intenções de votos.

Souto também lidera na pesquisa espontânea com 13%. Ainda na espontânea, Wagner aparece mais bem cotado do que seu candidato, Rui Costa. Eles têm 6% e 3% respectivamente. Costa obteve o mesmo índice para governador que Geddel Vieira Lima, citado espontaneamente por 3%. Nesse levantamento, Lídice aparece apenas com 1%. O levantamento revela que 49% do universo pesquisado não sabe em quem votar ou não quis responder quando provocado a citar espontaneamente um nome.

Quando a pesquisa é segmentada, o democrata tem um desempenho melhor entre os homens (48%) do que no público feminino (37%). As intenções de voto na senadora socialista são invertidas: 13% de mulheres contra 9% dos homens. O petista faz mais sucesso no público masculino (11%) do que no feminino, onde crava 8%.

Se o corte for feito por faixa de renda, Paulo Souto consegue melhor desempenho entre os que ganham acima de cinco salários mínimos (ou R$ 3.620): 53%, mesma faixa onde Rui Costa é mais bem avaliado por 14% dos eleitores. Os que optaram por Lídice se situam, na maioria (14%) entre os que recebem de dois a cinco salários mínimos por mês (entre R$ 1.448 e R$ 3.620).

O democrata, hoje, teria mais votos no interior da Bahia do que na capital: 43% e 36% do eleitorado, respectivamente. O petista também (10% e 9%). Já a socialista teria um eleitorado proporcionalmente maior em Salvador, 14%, do que no interior, 10%.

Rejeição

Num eventual segundo turno, Paulo Souto venceria, hoje, tanto Lídice da Mata (46% x 18%) quanto Rui Costa (48% x 15%). A senadora socialista bateria o petista por 36% contra 16% se a disputa fosse entre eles. Neste caso, a soma dos que anulariam ou votariam em branco é de um terço do eleitorado: 33%.

Em matéria de rejeição, ninguém bate Da Luz; 28% não votariam nele de jeito algum. Souto e Costa têm o mesmo índice neste quesito: 14% e o desempenho de Lídice é um pouco melhor (11%).

Para 47% da pesquisa, Paulo Souto será o próximo governador da Bahia. Lídice e Rui Costa aparecem empatados no percentual dos que os apontam como favoritos com 8%.

A pesquisa Ibope/CORREIO foi realizada entre os dias 15 e 19 de maio de 2014 com 1.008 entrevistados. O nível de confiança utilizado é de 95% e o levantamento foi registrado no TRE sob o protocolo BA-00004/2014 e no TSE, BR-00130/2014 encomendada pela Empresa Baiana de Jornalismo, que edita o CORREIO.

DEU NO CORREIO DA BAHIA

Da Redação

O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) determinou nesta segunda-feira (26) que uma frota mínima com 70% dos ônibus circule por Salvador nos horários de picos a partir da terça-feira (27). Caso a decisão não seja cumprida, o sindicato da categoria deverá pagar multa diária de R$ 100 mil.

A decisão é uma liminar que foi pedida por dois sindicatos do setor de transporte para garantir a circulação dos ônibus e evitar manifestações que possa interferir no trabalho dos rodoviários que não optarem por parar. A liminar foi deferida parcialmente nesta segunda-feira.

É entendido como horário de pico o período das 4h30 às 8h30 e das 17h às 20h. Nos demais horários, deve ser mantido um mínimo de 50% da frota.

Benny Goodman – Why Don’t You Do Right

Acho que a “crooner”, que canta lindamente, é Peggy Lee, mas não tenho certeza.

Quem ajuda?

Vangelis: onde anda você, juazeirense?

BOM DIA!!!

(Vitor Hugo Soares)

maio
27

==================================

DEU NO JORNAL O DIA

A Justiça Federal do Rio recebeu nesta segunda-feira a denúncia ajuizada pelo MPF contra cinco militares, em razão do homicídio e ocultação de cadáver de Rubens Paiva. Trata-se da primeira decisão judicial da história do Brasil que afasta os argumentos de anistia e prescrição com relação aos crimes instantâneos (não-permanentes) cometidos por agentes da ditadura militar entre 1964 e 1979.

A decisão é do juiz Caio Márcio Gutterres Taranto, da 4ª Vara Federal Criminal, que ressaltou que “a qualidade de crimes contra a humanidade do objeto da ação penal obsta a incidência da prescrição”. “O homicídio qualificado pela prática de tortura, a ocultação do cadáver (após tortura), a fraude processual para a impunidade (da prática de tortura) e a formação de quadrilha armada (que incluía tortura em suas práticas) foram cometidos por agentes do Estado como forma de perseguição política. (…) A esse fato, acrescenta-se que o Brasil (…) reconhece o caráter normativo dos princípios de direito costumeiro internacional preconizados (…) pelas leis de humanidade e pelas exigências da consciência pública” , assinalou o juiz

DEU NA TRIBUNA DA BAHIA

O Sindicato dos Rodoviários aceitou a proposta de reajuste de 9% para os salários (a reivindicação era de 15%), e de 9% para o vale-alimentação (que foi para R$ 13,08, contra os R$ 20 exigidos de início), e decidiu suspender a greve marcada para essa terça-feira (27), em Salvador.

Os rodoviários se reuniram em assembleia no Sindicato dos Eletricitários do Estado da Bahia, na tarde desta segunda-feira (26/5).

Durante a assembleia, a Estação Mussurunga chegou a ser fechada a partir das 15 horas. O trânsito ficou lento, na região das 7 Portas.

O prefeito ACM Neto marcou audiência com o presidente do Congresso, Renan Calheiros, para discutir o projeto de lei que altera a carga horária dos rodoviários.

Pages: 1 2 3 4 5 6 7 ... 23 24

  • Arquivos