==============================================

DEU NO BLOG OS INIMIGOS DO REI.

Jornal Comentado

Tony Pacheco

Fui à rede de cinemas Cinépolis, no Shopping Bela Vista, em Salvador (Bahia) e tomei um susto: as duas caixas dizendo a mim e a um professor universitário que me acompanhava que não deveríamos ver o filme. “Se a gente fosse os senhores a gente não entrava. Tá todo mundo saindo depois de 10 minutos de filme.” Nos negamos a atender à recomendação das caixas-críticas-de-cinema e entramos. Chegamos no ponto em que tínhamos que entregar os ingressos, outro susto. Ninguém pegou o ingresso e ainda ouvimos: “Avisaram lá fora que o filme não é bom?” Quer dizer, mesmo que não tivéssemos ingressos teríamos assistido ao filme, pois o bilheteiro sequer tinha coragem de pegar nos ingressos.

E tudo isso porque o filme brasileiro, com o melhor ator brasileiro da atualidade, WAGNER MOURA (o inesquecível e durão “Capitão Nascimento” de “Tropa de Elite”), mostra o artista fazendo o papel de um bombeiro salva-vidas em Fortaleza que se apaixona por um às da motocicleta alemão que acabara de perder seu parceiro nas águas traiçoeiras da Praia do Futuro, no Ceará. E como em todo filme de aventura e amor, tem sexo entre os protagonistas. Quando é Angelina Jolie com Brad Pitt, todo mundo acha legal. Quando são dois homens sadios, equilibrados, mas amorosos, os caixas e funcionários do cinema tentam fazer com que Você não assista. Pessoas doentes num mundo doente e intolerante.
Agora, soube que na Paraíba os caixas dos cinemas chegaram a carimbar “AVISADO” nos ingressos, o que mostra até quanto vai a ignorância e a conseqüente homofobia do brasileiro. Em 1980, quando, no apartamento do professor doutor Luiz Mott, no bairro da Federação, em Salvador, se processava a fundação do Grupo Gay da Bahia – GGB, eu disse aos meus amigos presentes, principalmente ao professor Ricardo Líper (UFBA) e ao jornalista Alex Ferraz (“Tribuna da Bahia” e “CBN”) : “Anotem aí – com o avanço da luta contra o preconceito virá uma reação religiosa furiosa e a homofobia vai mostrar a sua cara”. Não deu outra.
O desafio que deixo aos meus colegas JORNALISTAS INVESTIGATIVOS é: procurar saber se foi a direção dos cinemas que instruiu os funcionários.

CAMPANHA HOMOFÓBICA CONTINUA

E na segunda semana de exibição em Salvador, “Praia do Futuro” continua recebendo campanha contra dos exibidores. Na semana de lançamento havia 11 salas com 26 horários de exibição. Hoje, 22.05.2014, só 8 salas e 16 horários.
UCI Orient Iguatemi e UCI Orient Paralela, Cinemark Salvador Shopping, Cinépolis Salvador Norte e Sala de Arte do Museu (imaginem! Até o cinema de arte…) simplesmente pararam de exibir o novo filme com Wagner Moura. Cinépolis Bela Vista cancelou 3 horários e agora só tem um, e apenas o Espaço Itaú Glauber Rocha, a Sala de Arte de Cinema da UFBA e a Sala de Arte Cine Vivo continuam com a programação, mas a Vivo suprimiu um horário. O mais incrível foi a UCI Orient Barra, que passou o filme de uma sala onde a entrada custava 21 reais para uma de luxo que custa 30 reais…

UM FILME TOCANTE

Não vou contar a história, mas não se trata de um filme erótico como a bilheteira evangélica previa. É uma história tocante de dois seres humanos que se descobrem carentes de companheirismo e amor. Tudo entremeado com ação e aventura, pois uma parte é passada em Fortaleza e outra em Berlim. Nada de especial que você não veja entre seus parentes, amigos, vizinhos…

A ficha técnica completa do filme, com crítica de um especialista está em:

As belezas de Praia do Futuro

Bom filme para todos!

Tony Pacheco, jornalista, formado pela UFBA, radialista, psicanalista e estudou Economia na UFJF e UFBA.

Be Sociable, Share!

Comentários

Olivia on 22 Maio, 2014 at 14:23 #

Uma lástima, voltamos à idade média. O filme é muito do bom e Wagner Moura, mais uma vez, arrebentando na interpretação. Corra pro cinema.


Rosane Santana on 22 Maio, 2014 at 23:32 #

Caro Tony, não e’ religião não, amigo, e’ Freud mesmo que explica.bjs.


Graça Azevedo on 23 Maio, 2014 at 9:32 #

Estupidez.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos