DEU NO UOL/FOLHA

Ibope / O Estado de S.Paulo / Organizações GloboPesquisa do dia 22/05/2014: realizada entre os dias 15 e 19/05/2014;
Registro nº: BR-00120/2014; Entrevistados: 2002 – Margem de erro: 2 pontos percentuais Exibir margem de erro

De acordo com o levantamento, Dilma conseguiria se reeleger já no primeiro turno porque seu percentual obtido é maior que a soma dos outros pré-candidatos.

No último levantamento do Ibope, realizado em abril, Dilma estava com 37%; Aécio, com 14%; e Campos, com 6%.

Na pesquisa divulgada nesta quinta, o pastor Everaldo Pereira (PSC) tem 3%. Eduardo Jorge (PV) e José Maria (PSTU) aparecem com 1%. Os demais pré-candidatos não pontuaram. Os que dizem que votarão em branco ou nulo somam 14%. O total de indecisos chega a 10%.

O Ibope entrevistou 2.002 pessoas em 140 municípios entre os dias 15 e 19. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para baixo ou para cima. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número BR-00120/2014.
Ampliar
“Tiroteio eleitoral”; veja frases115 fotos
112 / 115
9.mai.2014 – “O dado relevante é que (…) mais de 70% da população quer mudanças e mudanças profundas”, afirmou Aécio Neves, pré-candidato tucano à presidência da República, comentando o aumento nas intenções de voto na pesquisa Datafolha Leia mais Pedro Ladeira/Folhapress/Arte UOL
Avaliação do governo
A pesquisa do Ibope também mostrou que a avaliação do governo Dilma piorou. A proporção dos que consideram sua gestão ruim ou péssima subiu de 30% em abril para 33% em maio.

Os que avaliam o governo Dilma como regular representam 30%, contra 34% no levantamento anterior. A parcela dos que consideram a administração ótima ou boa oscilou de 34% para 35%.

A maneira como a presidente Dilma governa é aprovada por 47% e reprovada por 48%, índices estáveis em relação à última pesquisa. A confiança na presidente Dilma também não sofreu mudanças significativas: 43% disseram confiar na presidente e 51% afirmaram não confiar.

A pesquisa do Ibope também apontou que 30% dos entrevistados gostariam que o próximo presidente mudasse totalmente o governo, mesmo índice do levantamento de abril.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos