Uma rica sugestão e colaboração musical reccolhida do garimpo do jornalista Gilson Nogueira.

BOA NOITE!!!

DEU NO IG Comentários

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara dos Deputados instaurou nesta quarta-feira (9) processo por quebra de decoro contra o 1º vice-presidente da Casa, deputado André Vargas (PT-PR). O parlamentar está licenciado do mandato por 60 dias desde segunda-feira (7) após ser alvo de denúncias por ligação com o doleiro Alberto Youssef, preso em operação da Polícia Federal contra lavagem de dinheiro.

A representação é de autoria dos partidos de oposição: PSDB, DEM e PPS. O relator do processo, escolhido pelo presidente do Conselho, deputado Ricardo Izar (PSD-SP), será o deputado Júlio Delgado (PSB-MG), responsável por elaborar um relatório preliminar para avaliar a admissibilidade do caso. A escolha de Izar foi feita após sorteio de lista tríplice que tinha, além do nome de Delgado, Renzo Braz (PP-MG) e Roberto Teixeira (PP-PE).

A partir da instalação do processo contra Vargas, Delgado terá 90 dias para apresentar o relatório final. Izar pretende apressar esse prazo para evitar que a deliberação fique para depois do recesso parlamentar

Entenda o caso
Alan Sampaio / iG Brasília
André Vargas (PT-PR) é alvo de denúncias por relação com doleiro preso pela PF
Com Agência Câmara


Prazo está acabando:E agora, André?

———————————————————————————–

DEU NO JORNAL O TEMPO (MG)

Se pretende descartar qualquer possibilidade de cassação do mandato, o vice-presidente da Câmara, o deputado licenciado André Vargas (PT-PR), tem até as 14h de hoje para renunciar. O prazo apertado para a decisão do parlamentar acusado de envolvimento com o doleiro Alberto Youssef ficou definido quando o presidente do Conselho de Ética, deputado Ricardo Izar (PSD-SP), marcou reunião para instaurar o processo e definir o relator do caso.

A partir da abertura do processo, não há como interromper as investigações, que serão concluídas em até 90 dias. Com o parecer, os parlamentares deverão analisar a decisão do colegiado em plenário e por voto aberto.

A escolha do relator será feita entre os 21 membros do Conselho. A função poderá ser assumida por qualquer dos parlamentares, desde que não sejam do PT, ou do PSDB, DEM e PPS, que apresentaram as representações.

Vargas pode ser investigado também pela Corregedoria da Câmara que recebeu, anteontem, uma representação encaminhada pelo PSOL. Caso opte pela investigação, o corregedor deputado Átila Lins (PSD-AM) pode notificar Vargas e outras testemunhas para apresentar esclarecimentos em cinco dias. Depois, Lins terá 45 dias para concluir o processo e encaminhar parecer para o Conselho de Ética.

Na segunda-feira, Vargas entregou à Secretaria Geral da Mesa da Câmara carta com pedido de afastamento temporário por 60 dias do mandato. Em nota, ele afirmou ser vítima de “massacre midiático” e disse ter pedido a licença para preparar sua defesa.

Renúncia

Para o presidente do Conselho de Ética, se as denúncias contra Vargas forem comprovadas, a tendência será a cassação. “Eu acho que se as denúncias que foram feitas pela imprensa, se forem comprovadas como verdade, a tendência de punição será a cassação”.

Izar afirmou que não descarta uma manobra regimental do PT para adiar a instauração do processo disciplinar contra Vargas. Ele afirmou ainda estar sofrendo pressão de integrantes do PT e de outros partidos para adiar a discussão para a próxima semana, o que ele afirma ter recusado.

O vice-líder do governo na Câmara, Henrique Fontana, defendeu ontem que Vargas renuncie. “Ele tem que entregar a vice-presidência, que é um posto na Câmara essencial ao PT, e neste momento ele não tem como atuar e não pode trancar isso”.

Hipóteses

Só existem duas situações para o caso do deputado federal André Vargas (PT). Ou ele renuncia para ficar livre de cair na Lei da Ficha Limpa, ou pode perder os direitos políticos, caso seja condenado.

Pressão. O presidente do Conselho de Ética afirmou estar sofrendo pressão de integrantes do PT e de outros partidos para adiar a discussão no Conselho, o que ele afirma ter negado.

abr
09
Posted on 09-04-2014
Filed Under (Artigos) by vitor on 09-04-2014


===============================================
Sinfrônio, hoje, no Diário do Nordeste (CE)


Lula na conversa com blogueiros

=============================================================

DEU NO IG

São Paulo


Em conversa com blogueiros, ex-presidente voltou a afirmar que não é candidato a presidente: ‘Minha candidata é Dilma’

Apesar de criticar o resultado do julgamento do mensalão, o ex- presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta terça-feira (8), em encontro com blogueiros, que não se arrepende de ter nomeado o ministro Joaquim Barbosa para o Supremo Tribunal Federal. A conversa durou cerca de três horas. “Não me arrendi de indicar o Barbosa. Na época, não tinha mensalão. Eu queria um advogado negro no Supremo e o currículo dele era o melhor”, disse.

“Eu não indiquei ele por causa do processo [do mensalão]. O comportamento dele é responsabilidade dele. A Suprema Corte tem que se pronunciar nos autos do processo (…). Se eu tivesse as informações do Barbosa que eu tenho hoje, teria indicado ele do mesmo jeito”, completou.
Ricardo Stuckert/Instituto Lula
Lula responde a perguntas em encontro de três horas com blogueiros

Segundo o ex-presidente, a condenação do ex-ministro José Dirceu é um “grave abuso no exercício do poder e da lei”. “Ele deveria estar em prisão domiciliar. Temos que ter paciência que as coisas mudam”, concluiu e citou a redução das penas com a retirada da acusação do crime de quadrilha. A pena de Dirceu foi reduzida de 10 anos e 10 meses de prisão para 7 anos e 11 meses, só pelo delito de corrupção ativa.

Lula afirmou ainda que não é candidato à Presidência e pediu ajuda para acabar com “boataria” em torno do tema. “Eu não sou candidato, minha candidata é a Dilma Rousseff e se vocês puderem contribuir pra acabar com essa boataria toda, ou seja, vocês estarão contribuindo com o processo de democratização desse País. Ou seja, eu acho que a Dilma tem competência, tem todas as condições políticas, técnicas, tem capacidade que o Brasil precisa pra fazer esse Brasil avançar e acho que ela é disparadamente a melhor pessoa para ganhar essas eleições e fazer o Brasil continuar a andar. Aqui, eu já cumpri com minha tarefa, já fiz o que tinha que fazer, já me dou por realizado”, afirmou Lula.

O ex-presidente também comentou as movimentações em torno da criação da Comissão Parlamentar de inquérito (CPI) para investigar supostas irregularidades em contratos da Petrobras e pediu uma ação mais intensa do PT e do governo em relação às denúncias envolvendo a estatal. “Normalmente, em época de eleição, quando a oposição não tem bandeira, não tem programa e não tem voto, a oposição então levanta essa ideia de se fazer uma CPI”, afirmou. “O governo tem de ir para a ofensiva e debater esse assunto com muita força. A gente não pode ficar permitindo que, por omissão nossa, as mentiras continuem prevalecendo. Temos de defender com unhas e dentes aquilo que achamos que é verdadeiro, os fatos concretos”, completou.

Saúde

Questionado sobre os problemas da saúde do País, Lula disse que “esse é o grande tema da eleições”. “Esse é o grande tema. Todo mundo tem que ter uma boa proposta para saúde”, disse ele em entrevista coletiva com blogueiros. Em São Paulo, Estado considerado crucial pela cúpula do PT e pelo próprio Lula, o candidato do partido é o ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha.

Segundo ele, a discussão sobre o tema deve girar em torno da geração de recursos para a saúde pública. “Não existe possibilidade de dar saude de qualidade, se não houver recurso. As pessoas acham que o governo é aquela vaca com urbe enorme, todo mundo acha que o governo tem dinheiro de sobra, mas não tem. Médico custa caro, equipamento custa caro”.

Lula criticou ainda a extinção da cobrança da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), em 2008, que, segundo ele, tirou R$ 250 bilhões de seu mandato. O ex-presidente disse ainda que o Sistema Único de Saúde (SUS) precisa credenciar mais médicos e aumentar a remuneração desses profissionais. ” O SUS precisa pagar melhor. A melhor solução é credenciar toda a rede médica. Você não vai formar um médico de um ano para o outro”. Segundo ele, os médicos preferem trabalhar na rede particular, que paga melhor, e, por isso, o atendimento que prestam ao SUS fica prejudicado.

O ex-presidente elogiou ainda o programa Mais Médico, mas afirmou que a iniciativa deve gerar maior demanda por especialistas. “O Mais Médico não resolve o problema. Aumenta o problema. Quando o cara tem acesso ao primeiro médico, ele percebe que precisa de um especialista. Então, a solução é credenciar a rede médica do País para quem precisar”.

“NOVA COPACABANA” :COMPOSIÇÃO DE DAVID NASSER E HERIVELTO MARTINS,ESSA MUSICA FOI GRAVADA EM 1958. LINDA DEMAIS, ONTEM COMO HOJE.A PRAIA E A CANÇÃO.CONFIRA!!!
BOM DIA!!!

(Vitor Hugo Soares)

abr
09
Posted on 09-04-2014
Filed Under (Artigos) by vitor on 09-04-2014


Escritor colombiano foi transportado de ambulância para sua casa
Foto: Jornal de Notícias, de Portugal
=============================================================

DEU NO UOL

O escritor colombiano Gabriel García Márquez saiu nesta terça-feira de um hospital da Cidade do México, onde foi internado no último dia 31 de março, para completar a recuperação, informaram fontes do centro médico.

O autor de “Cem Anos de Solidão”, de 87 anos, havia sido hospitalizado no Instituto de Ciências Médicas e Nutrição Salvador Zubirán por um quadro de desidratação e um processo infeccioso pulmonar e de vias urinárias.

“O escritor García Márquez saiu hoje em um estado delicado, de acordo com sua idade, motivo pelo qual convalescerá na casa”, afirmou a porta-voz do centro médico, Jacqueline Pineda.

Por sua vez, a titular de Saúde do governo do México, Mercedes Juan López, disse hoje que o autor tinha sofrido um “quadro pneumônico bastante severo” e que, apesar de crise ter passado, será mantido sob vigilância em sua casa para que não retorne a infecção.

Na semana passada, o autor colombiano tinha feito uma provocação aos jornalistas que faziam plantão em frente ao hospital desde que ele havia sido internado.

“Estão loucos?! O que estão fazendo aí fora? Vão trabalhar, fazer algo de útil!”, foi o recado repassado por um assistente do escritor, Genovevo Quirós, na sexta passada (4).

  • Arquivos

  • Abril 2014
    S T Q Q S S D
    « mar   maio »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930