mar
18
Postado em 18-03-2014
Arquivado em (Artigos) por vitor em 18-03-2014 11:27

==========================================================

DEU NO PORTAL A TARDE

Polícia prende um suspeito de matar professora da Unifacs durante assalto em Itapuã

Um suspeito de ter participado da tentativa de assalto que resultou na morte da professora da Unifacs Anamaria Morales, 60, na tarde de domingo, 16, foi preso por policiais da Delegacia de Itapuã horas após o crime. A identidade dele não foi revelada.
“Ele estava no local do crime e foi conduzido para averiguação”, diz o titular da unidade, ACM dos Santos. Segundo ele, o suspeito tem passagem por tráfico. A professora foi morta com um tiro na cabeça, às 17h26, no cruzamento da Av. das Dunas com a rua Carlos Drummond de Andrade, em Itapuã.
Segundo testemunha que não quis revelar o nome, Anamaria foi abordada por dois homens e se negou a entregar a bolsa. “Tinham 17, 18 anos”, narra. Um policial civil da Delegacia de Periperi que passava pelo local trocou tiros com os marginais.
De acordo com Rafael Chaves, ex-enteado da professora, ela morava em Salvador há mais de 20 anos e tem uma filha de 23, que mora na Austrália. O rapaz disse que Anamaria não tem nenhum parente em Salvador e, por isso, aguarda uma procuração da filha ou do irmão dela, de São Paulo, para retirar o corpo do IML. Em nota, a Unifacs lamentou a morte da professora e disse que, desde agosto de 2013, ela dava aulas de antropologia no curso de serviço social.
O ataque
As câmeras do posto de combustível, que fica em frente a um restaurante, registraram a ação. É possível ver Anamaria sair da Av. das Dunas dirigindo um Crossfox preto.
Ela estacionou em frente ao Apart Hotel Farol de Itapuã e desceu. Nesse momento veem-se três homens saindo de uma rua em frente. Anamaria brigou com dois deles, caiu duas vezes e foi arrastada antes de levar o tiro na nuca.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos