fev
21
Postado em 21-02-2014
Arquivado em (Artigos) por vitor em 21-02-2014 00:52


Manifestantes da oposição arrastaram um tanque de um monumento para o meio de uma rua em San Cristobal Foto Reuters/Carlos Eduardo Ramirez/DN

========================================================

DEU NO DIÁRIO DE NOTÍCIAS, DE LISBOA

O Presidente venezuelano, Nicolás Maduro, anunciou ontem, 20, que pediu à ministra da Comunicação e Informação para iniciar medidas para suspender o sinal da televisão norte-americana CNN na Venezuela, por ter uma “programação de guerra” 24 horas por dia.

“A CNN quer mostrar ao mundo que na Venezuela há uma guerra civil e aqui o povo o que está é a trabalhar, a estudar e a construir a pátria. Pedi à ministra de comunicação, Delcy Elóina Rodríguez Gómez, que informe a CNN que se iniciou um processo administrativo para tirar a CNN da Venezuela, se não retificarem”, disse.

Nicolás Maduro falava numa alocução ao país transmitida ao vivo, e obrigatória, pelas rádios e televisões venezuelanas.

“Que se vá a CNN de Venezuela, já basta de propaganda de guerra, não aceito propaganda de guerra contra a Venezuela. Se não retificarem, fora da Venezuela”, ameaçou.

O anúncio de Nicolás Maduro teve lugar uma semana depois de a Comissão Nacional de Telecomunicações da Venezuela ter ordenado às operadoras de televisão a suspensão da emissão da estação de televisão colombiana NTN24 no país.

A suspensão teve lugar quando o canal fazia a cobertura de violentos confrontos entre estudantes e as forças de segurança.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Fevereiro 2014
    S T Q Q S S D
    « jan   mar »
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    2425262728