dez
23
Postado em 23-12-2013
Arquivado em (Artigos) por vitor em 23-12-2013 10:27

DEU NO UOL/FOLHA

A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo confirmou, na manhã desta segunda-feira (23), a morte da 16ª vítima do acidente com um ônibus da viação Nossa Senhora da Penha, na rodovia Régis Bittencourt, na madrugada de ontem.

O corpo da funcionária pública Valéria Santos Leite foi identificado por um dos filhos na madrugada desta segunda-feira no IML (Instituto Médico Legal). O filho confirmou que o corpo, que por estar sem identificação não constava em nenhuma lista de óbitos, era de Valéria.

Mulher que morreu em acidente na Régis viajava para passar o Natal com o filho
Motorista que saiu ileso a acidente na Régis será indiciado por homicídio e lesão corporal
‘Não senti o ônibus frear’, diz vítima do acidente que matou 16 na Régis

Ônibus com destino ao Rio de Janeiro caiu em ribanceira na rodovia Régis Bittencourt; acidente deixou 16 mortos e vários feridos
Ônibus com destino ao Rio de Janeiro caiu em ribanceira na rodovia Régis Bittencourt; acidente deixou 16 mortos e vários feridos

Segundo a Polícia Civil, ela estava dentro do ônibus, mas seu nome não constava na lista oficial de passageiros porque ela havia comprado a passagem em janeiro deste ano e cancelado. Ela trocou o bilhete por outro em branco que foi carimbado no dia da viagem.

Valéria é a 54ª passageira do ônibus, que saiu da pista e caiu em um barranco na rodovia Régis Bittencourt, no km 301 em São Lourenço da Serra (Grande São Paulo).

Segundo a PRF (Polícia Rodoviária Federal), o ônibus seguia no sentido São Paulo quando saiu da pista em uma curva, no km 301, e caiu em um barranco de cerca de 10 metros de altura.

O ônibus havia saído de Curitiba na noite de sábado com destino ao Rio.

Ao todo 30 passageiros ficaram feridos e foram levados para hospitais da região. Até às 8h, desta segunda-feira, quinze pessoas continuavam internadas. Uma das vítimas permanece na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Geral de Itapecerica da Serra, na região metropolitana.

O motorista do ônibus, Oseas dos Santos Gomes, 56, foi indiciado por homicídio culposo (sem intenção de matar) e lesão corporal.

Segundo o delegado Renato Gonçalves Coletes, do 1º DP de Itapecerica da Serra (Grande São Paulo), “tudo indica” que o condutor caiu no sono.

Em depoimento, ele afirmou que, quando percebeu, o ônibus já estava caindo, o que reforça a hipótese da polícia.

A reportagem não conseguiu entrar em contato com ele. Procurada, a Viação Penha não informou se o motorista já tem advogado.

A administradora Kelly Cristina Guimarães, 33, mora em Curitiba, mas também compareceu à delegacia. Sua mãe, Regina Célia Guimarães, 58, morreu no acidente.

“Ela ia pela primeira vez ao Rio, para passar as festas de fim de ano com a família”, diz.

Em nota, a empresa de ônibus informou que “se solidariza com os familiares e amigos das vítimas”.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • dezembro 2013
    S T Q Q S S D
    « nov   jan »
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    23242526272829
    3031