=============================================

==========================================================

Profissionalmente alinhado a duas áreas que, majoritariamente, buscam cultivar a objetividade, o jornalista e antropólogo Marlon Marcos consegue manejar com maestria o mais subjetivo dos estilos literários: a poesia. Mas, engana-se quem imagina que em Memórias do Mar, seu primeiro livro de poesia, ele abriu mão do rigor tão caro ao jornalismo e à antropologia. O livro será lançado no dia 13 de dezembro, às 18h30, na Biblioteca Pública do Estado da Bahia, Barris.

O cuidado meticuloso com a construção textual, uma das virtudes que dão brilho à narrativa jornalística, e a capacidade de visualizar o simbólico em suas próprias experiências rotineiras perpassam todo o livro unindo as facetas de jornalista e antropólogo à de poeta.

Sorte para os amantes da poesia que vão poder conferir uma obra de fôlego construída por alguém que representa tão bem as novas formas de fazer arte, ciência e comunicação: coragem para revelar as suas múltiplas faces mostrando o que cada uma delas reforça e revela da outra.

O conjunto de poemas escolhidos por Marlon para compor o seu livro é fiel ao elemento que os reúne como conjunto: o mar, que é bem concreto, mas também evoca mistério e não permite o controle que tanto conforta. Há algo melhor para instigar um poeta?

Não à toa, no prefácio, a cantora Maria Bethânia – cuja arte em sua dissertação de mestrado intitulada Oyá-Bethânia: os mitos de um orixá nos ritos de uma estrela, Marlon definiu com precisão antropológica, mas cheia de poesia– o estimula a prosseguir neste caminho de poesia:

“Quero que você mantenha a vontade de se expressar em versos, não esconda seu talento, sirva a humanidade com generosidade, e eu quero ser ouvido atento e coração aberto para acolhê-los”. Com um incentivo tão precioso podemos esperar mais das boas surpresas literárias de Marlon Marcos.

SERVIÇO:
O quê: Lançamento do livro “Memórias do Mar- alguns poemas e outras prosas poéticas…”, de Marlon Marcos
Quando: 13 de dezembro de 2013 (sexta-feira), a partir das 18h30
Onde: Quadrilátero da Biblioteca Pública dos Estado da Bahia (Complexo Cultural dos Barris), Rua General Labatut, 27, Barris

Contatos: 8107-4693

Cleidiana Ramos- Jornalista-DRT- 1845

====================================================


A artista abraça o poeta

———————————————————————-
BAHIA EM PAUTA soma-se a Maria Bethania, e também aplaude e recomenda, efusivamente, o livro e a poesia de Marlon Marcos .Os que pensam e fazem este site blog apostam nele desde os primeiros textos publicados na página da editoria de Opinião de A Tarde, graças à veia e antenas de Claudio Leal, jornalista que entende de fatos, poesia, cultura e pessoas.

(Vitor Hugo Soares)

Be Sociable, Share!

Comentários

Marlon Marcos on 13 dezembro, 2013 at 0:58 #

Perdão: mas só lágrimas!!!


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • dezembro 2013
    S T Q Q S S D
    « nov   jan »
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    23242526272829
    3031