nov
15
Postado em 15-11-2013
Arquivado em (Artigos) por vitor em 15-11-2013 00:09

DEU NO PORTAL EUROPEU TSF

O governo brasileiro reconheceu que a taxa de desmatamento da Amazônia sofreu um aumento de 28 por cento num ano, após quatro anos de quebra no desaparecimento de floresta no “pulmão do mundo”.
A ministra brasileira do Ambiente confirmou que desapareceram mais de 580 mil hectares de árvores protegidas na Amazónia entre o verão de 2012 e o verão de 2013, uma área equivalente ao Algarve, em Portugal.
Rejeitando as acusações dos ambientalistas, que culpam o novo código florestal do Brasil por esta situação, Izabela Teixeira assegurou que não houve desinvestimento na vigilância da Amazónia.
A titular brasileira da pasta do Ambiente adiantou ainda que esta devastação florestal é obra de grupos organizados, ganhando dinheiro com a venda da madeira e outros que querem ocupar a terra que fica disponível.
«São dinâmicas diferentes de desmatamento», concluiu Izabela Teixeira que prometeu trabalhar para combater a desflorestação nesta região, tendo também prometido apresentar números diferentes dos deste ano.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • novembro 2013
    S T Q Q S S D
    « out   dez »
     123
    45678910
    11121314151617
    18192021222324
    252627282930