DEU NO IG

Escopetas, lançadores de bombas de gás lacrimogênio e balas de borracha fazem parte do arsenal de cerca de 40 homens do Exército que ocupam, na tarde deste domingo (20), a frente do Hotel Windsor Barra Hotel, no Rio. O local abrigará, às 14h desta segunda-feira (21), o leilão do Campo de Libra , o primeiro do pré-sal brasileiro e o maior certame de petróleo da História do País.

Quatro jipes do Exercito e homens da cavalaria também já realizam patrulha da região e há dois barcos da Marinha em frente ao hotel. No total, o esquema de segurança envolverá 1.100 homens, entre militares – do Exército e da Marinha – , policiais federais e estaduais, guardas municipais e funcionários públicos.

?O temor é que manifestações convocadas por grupos contrários ao leilão – como os petroleiros , que fazem greve desde a última quinta-feira (17) –, além de adeptos da estratégia black block , possam causar tumultos na região.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos