Wagner Moura:ovacionado em Gramado

============================================

DEU NO G1

Por Márcio Luiz
Do G1 RS, em Gramado

Homenageado na noite deste sábado (10) no Festival de Cinema de Gramado, na serra gaúcha, o ator Wagner Moura dedicou a distinção aos filhos do ajudante de pedreiro Amarildo de Souza, desaparecido desde o dia 14 de julho, quando foi visto pela última vez na Favela da Rocinha, no Rio de Janeiro. O ator baiano recebeu o Troféu Cidade de Gramado, por sua carreira no cinema.

“Amanhã é dia dos pais e eu adoraria almoçar com o meu, mas ele morreu em 2011. Queria homenagear o meu pai com esse prêmio. Vou pegar um avião e almoçar com os meus filhos, no Rio. Mas lá na Rocinha tem seis filhos que não vão passar o dia com o pai. O pai desses garotos se chama Amarildo. Então, queria homenagear os filhos do Amarildo” discursou.
Wagner Moura Festival de Cinema de Gramado

“Os festivais de cinema são um fórum importante não só para falar de cinema. Os festivais não devem ser um tapete por onde passam os atores, mas também um fórum de debates. Tenho certeza que essa homenagem é de todo o festival. A gente está atento ao que está acontecendo. Gostaria que esses garotos soubessem o que aconteceu com o pai deles”, acrescentou o ator, muito aplaudido pelo público.

Antes de entrar no Palácio dos Festivais para a homenagem, Wagner Moura também foi ovacionado pelo público enquanto percorria o tapete vermelho ao som de gritos de “pede para sair” e outros bordões que ele consagrou nos dois filmes da série “Tropa de Elite”. Paciente, pousou para fotos com os fãs. Ao receber o prêmio, ele agradeceu ao festival e fez questão de dividir com outros atores.

“Estou fazendo cinema há uns 15 ou 16 anos e essa é a primeira vez que eu venho aqui em Gramado, um dos festivais mais importantes e tradicionais do país. Minha mãe sempre quis vir a Gramado e hoje ela está aqui comigo. Tenho muito orgulho de fazer parte de uma geração que participou da retomada do cinema brasileiro. Acho que o Festival de Gramado, no meu nome, homenageia essa geração inteira”, declarou Wagner.

===================================================

DEU NA FOLHA DE SÃO PAULO

Mistérios do massacre

Carlos Heitor Cony

RIO DE JANEIRO – Escrevo esta crônica para abordar um caso que ainda não está encerrado nem apurado. Na última segunda-feira, na Vila Brasilândia, na zona norte da cidade de São Paulo, uma família de cinco pessoas foi assassinada. No momento, há duas linhas de investigação que mobilizam a polícia e que, na realidade, estão chocando o Brasil inteiro.

Primeira linha: um menino de 13 anos, filho de um casal de policiais, mata o pai que estava dormindo e mata a mãe, que, de certa forma, tentou reagir ao crime. Logo depois, o mesmo menino mata a avó e a tia-avó, que também estavam dormindo, numa casa anexa. Usa uma pistola profissional, cujo coice pode derrubar o atirador. Vai (ou não vai) à escola, horas depois volta ao local do crime e se suicida com a mesma arma.

Segunda linha de investigação: a mãe do menino, cabo da polícia, teria delatado alguns colegas ligados a bandidos especializados em assaltar caixas eletrônicos e de cometer outros crimes paralelos. Em represália, os criminosos decidiram acabar com a família inteira.

O caso, nas duas hipóteses, até agora tem mais furos do que um queijo suíço. Não explica nem convence ninguém. Espera-se que as autoridades paulistas desvendem as incoerências de ambas as versões. De qualquer forma, para todos nós que formamos a população brasileira, o massacre da Vila Brasilândia revela um estágio da nossa sociedade que nos deprime e irrita.

Tanto a hipótese do garoto de 13 anos que matou quatro pessoas (pai, mãe, avó e tia-avó) como a da vingança de policiais que exterminaram a família de uma colega que teria delatado os bandidos incrustados na própria polícia servem para uma reflexão amarga sobre os tempos em que vivemos.

Num e noutro caso, temos motivos para duvidar dos valores da sociedade da qual fazemos parte.

http://youtu.be/RWBQ5vNGGjM

============================================

As Minhas Meninas
Chico Buarque

Olha as minhas meninas
As minhas meninas
Pra onde é que elas vão
Se já saem sozinhas
As notas da minha canção
Vão as minhas meninas
Levando destinos
Tão iluminados de sim
Passam por mim
E embaraçam as linhas
Da minha mão

As meninas são minhas
Só minhas na minha ilusão
Na canção cristalina
Da mina da imaginação
Pode o tempo
Marcar seus caminhos
Nas faces
Com as linhas
Das noites de não
E a solidão
Maltratar as meninas
As minhas não

As meninas são minhas
Só minhas
As minhas meninas
Do meu coração
—————————————————

Poesia e emoção à flor da pele.

Para o Dia dis Pais e todos os dias.

BRAVISSIMO!!!

(Vitor Hugo Soares)

ago
11


Assange: “O mundo tem uma dívida de gratidão com Snoowden”/
Foto Andrew Winning – Reuters/DN

===============================================

O fundador do WikiLeaks, Julian Assange, disse hoje(11) que o anúncio do Presidente norte-americano, Barack Obama, de medidas para reforçar a transparência na espionagem dos EUA, constitui uma “vitória” do fugitivo Edward Snowden.

“Foi uma vitória para Edward Snowden e muitos dos seus seguidores”, afirmou Julian Assange em comunicado divulgado sábado na página do WikiLeaks, site que tem revelado milhares de documentos confidenciais do Governo dos EUA.

“O Presidente dos Estados Unidos validou o papel de Edward Snowden como delator, anunciando planos para reformar o programa de espionagem americano”, acrescentou em comunicado.

O ex-analista do Serviço Nacional de Segurança norte-americano Edward Snowden, de 30 anos, obteve, no início do mês, asilo temporário na Rússia, depois de ter passado várias semanas na zona de trânsito do aeroporto em Moscovo, onde chegou de Hong Kong em fuga á justiça dos EUA por ter revelado vários documentos de espionagem dos serviços secretos norte-americanos.

Barack Obama anunciou na sexta-feira várias medidas para tornar mais transparente, eficaz e coerente – no que diz respeito aos direitos civis – os programas de espionagem a comunicações de voz e digitais que foram revelados por Edward Snowden.

“O mundo tem uma dívida de gratidão para com Edward Snowden”, defendeu Julian Assange, que vive na embaixada do Equador em Londres há mais de um ano para impedir que seja entregue à Suécia, cujas autoridades solicitaram a sua extradição por alegado abuso sexual.

ago
11
Posted on 11-08-2013
Filed Under (Artigos) by vitor on 11-08-2013

Miguel, hoje, no Jornal do Comércio (Recife, PE)

DEU NO CORREIO DA BAHIA/CONTEUDO ESTADÃO

Assim como a popularidade, a presidente Dilma Rousseff (PT) recuperou também a intenção de voto, de acordo com pesquisa Datafolha divulgada na edição dominical da Folha de S.Paulo que começou a circular neste sábado. No cenário mais provável, tendo como adversários Marina Silva (Rede), Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB), Dilma tem 35% das intenções, ante 30% na pesquisa anterior, de junho, seguida pela ex-ministra do Meio Ambiente. Marina tem 26% da preferência, três pontos acima dos 23% da pesquisa anterior.

Aécio recuou 17% para 13% e o governador pernambucano Eduardo Campos variou de 7% para 8%. Mesmo com a reação, Dilma ainda enfrentaria um segundo turno, nesse caso com Marina, se as eleições fossem hoje. A soma de votos brancos, nulos e dos que não votariam em qualquer candidato atingiria 13% e outros 5% dos ouvidos não sabem em quem votar. O Datafolha traçou ainda um cenário com a candidatura de José Serra (PSDB) e com a inclusão do também tucano Aécio para avaliar o posicionamento do ex-governador paulista, cujo futuro ainda é incerto. Neste caso, Dilma teria 32%, no seu pior posicionamento entre as avaliações, Marina 23%, Serra 14%, Aécio 10% e Campos 6%.

Com a entrada do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa no páreo, que teria 11% dos votos, ante 15% no levantamento anterior, Dilma teria 33% das intenções, Marina 22%, Aécio 12% e Campos 6%. Brancos, nulos e nenhum candidato somados chegariam a 11% e 5% não saberiam em quem votar.

Dilma mantém 32% das intenções de voto também no cenário análogo, mas com Serra substituindo Aécio. O ex-governador paulista aparece com 15% dos votos nessa avaliação, o melhor cenário da pesquisa para o tucano. Na disputa aparecem ainda Marina em segundo lugar, com 21%, Joaquim Barbosa com 11% e Campos se sustenta com 5%.

Lula
Outro destaque da pesquisa é o posicionamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que venceria em primeiro turno, com 51% dos votos, o que representa um avanço de cinco pontos em relação à pesquisa de junho, quando tinha 46% das intenções de voto. Esse cenário de vitória sem segundo turno se configura na disputa com Marina, que ficaria com 20% dos votos ante 19% da pesquisa anterior, seguida da Aécio, cuja intenção de voto caiu de 14% para 11%.

Campos teve ligeiro avanço nesse cenário e passou a ter 5% das intenções de voto, ante os 4% apurados na pesquisa anterior. Esse cenário exclui Joaquim Barbosa e Serra. Com a entrada apenas de Barbosa, Lula teria 50% das intenções de votos, Marina 17%, o presidente do STF 10%, Aécio 9% e Campos 3%. Nessa avaliação, apenas Lula e Marina avançariam, pois tiveram respectivamente, 45% e 14% no levantamento de junho. Com a entrada de Serra nesse último cenário, o ex-governador paulista teria 9%, acima de Aécio, com 8%, empatado com Joaquim Barbosa, também com 8%, e a frente de Eduardo Campos (3%).

Assim como nos cenários anteriores sem Dilma, Lula lideraria e Marina ficaria em segundo. O ex-presidente teria 50% dos votos, ante 45% em junho, a ex-ministra variaria de 14% para 17%. O Datafolha ouviu 2.615 eleitores entre quarta-feira, 7, e sexta-feira, 9, em todo o País, com margem de erro de dois pontos porcentuais para cima ou para baixo.

BOM DOMINGO DOS PAIS!!! E DOS FILHOS!!!

  • Arquivos

  • agosto 2013
    S T Q Q S S D
    « jul   set »
     1234
    567891011
    12131415161718
    19202122232425
    262728293031