jun
14
Postado em 14-06-2013
Arquivado em (Artigos) por vitor em 14-06-2013 14:24


Junior:vítima da brutalidade
================================
DEU NO CORREIO

Da Redação

O homem que foi morto na manhã de ontem (13) no Nordeste de Amaralina, Carlos Alberto Conceição Júnior, 22 anos, era primo do menino Joel, de 10 anos, que morreu em 2010 durante uma ação da 40ª Companhia Independente de Polícia Militar.

Por conta da morte de Carlos Alberto, amigos, familiares e vizinhos fizeram protestos ao longo do dia na avenida Manoel Dias da Silva, bloqueando o trânsito. No início da hoje, o grupo voltou a protestar, dessa vez na Visconde de Itaborahy, em Amaralina. Segundo a Central de Polícia, uma guarnição da polícia foi para o local.

Segundo familiares, Carlos Alberto trabalhava em um hotel e estava de folga. Ele saiu para encontrar alguns amigos quando foi baleado. Já a Polícia Militar, em nota, informa que uma viatura fazia ronda padrão no local quando foi recebida a tiros por oito homens, iniciando um tiroteio. Segundo a PM, um homem conhecido como Carlos Gil foi baleado e, socorrido ao Hospital Geral do Estado (HGE), acabou morrendo. A PM informa ainda que com ele foram apreendidos um revólver calibre 38 e pedras de crack.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • junho 2013
    S T Q Q S S D
    « maio   jul »
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930