Joaquim Barbosa com Lázaro Torres:”presença cênica”

=======================================================

DEU NA COLUNA DE CRISTINA PADIGLIONE, NO ESTADÃO

Provocado por Lázaro Ramos, o presidente do Sujpremo Tribunal Federal (ST), Joaquim Barbosa, admite que teria sido um bom ator, caso tivesse tido uma oportunidade e fosse menos tímido.

“Mas o ministro sabe que tem presença cênica, não é?”, questiona Lázaro.

“Eu?”, rebate Barbosa, surpreso.

“Sim, acho até que eu corro o risco de o ministro vir a ser meu pai num filme”, replica o ator, com pleno respeito ao Sr. STF.

Gravado em Brasília, o encontro entre os dois passa pela história do ministro, desde Minas, pelos meandros da Justiça no Brasil, por minorias oprimidas e por muita reverência por parte do ator.

A conversa rendeu duas edições para o programa Espelho, que Lázaro comanda no Canal Brasil, a serem exibidas nos dias 15 e 22 de abril, às 21h30.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos