===========================================
Nagisa Oshima com a mulher no Festival de Cannes, em 2000, onde apresentou ‘Gohatto’, o seu último filme Foto John Schults/ Arquivo Reuters

===============================================

Nagisa Oshima, o realizador japonês, autor, entre outros títulos, de O Império dos Sentidos (filme cuja exibição nos anos 70 teve forte importância no movimento de liberação sexual e contra a censura no Brasil) e Merry Christmas, Mr. Lawrence, morreu hoje aos 80 anos devido a uma infecção pulmonar.

Frequentemente comparado com Pier Paolo Pasolini, Oshima colaborou com Buñuel e ficou conhecido por tratar nos seus filmes temas como o sexo, a violência e o crime. Em 1961 realizou The Catch, adaptando o romance de Kenzaburô Oe. Depois do polémico O Império dos Sentidos (1976), pelas cenas de sexo explícito, realizou O Império da Paixão, em 1978. Este foi o filme japonês candidato ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro, embora não tenha sido nomeado, e foi também selecionado para o Festival de Cannes, onde Oshima ganhou o prémio de melhor realizador.

Em 1983 realizou Merry Christimas, Mr. Lawrence, que viria a tornar-se um filme cult, com a participação dos músicos David Bowie e Ryuchi Sakamoto, assim como o (futuro) realizador Takeshi Kitano.

(Com informações do Diário de Notícias, de Portugal)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos