Dignidade: Moema de volta “ao chão da fábrica
onde tudo começou”

===========================================


DEU NO SÍTIO DE CHICO BRUNO

Recepcionada como “patrimônio” da empresa, Moema Gramacho se apresentou ao antigo emprego de trabalhadora na indústria química Cristal (antiga Tibras). Carteira de trabalho nas mãos, como já havia anunciado, a ex-prefeita de Lauro de Freitas foi recebida na terça-feira, 8, pela diretoria.

“Fiquei muito feliz com a receptividade e o carinho que encontrei. Foi aqui, no chão da fábrica, que tudo começou”. A direção da Cristal manifestou interesse em mantê-la vinculada à empresa, e considera que Moema agrega valor na relação com os funcionários e a sociedade. Na próxima semana, Moema volta a se reunir com diretores da Cristal para definir seu novo papel na empresa.

Moema entrou na Tibrás em 1977, como estagiária, contratada em 1978 atuou 20 anos dentro da empresa, como profissional e sindicalista atuante. Afastada há 16 anos para cumprir os três mandatos como deputada estadual e dois como prefeita de Lauro de Freitas, continuou atuando na defesa da manutenção da empresa e dos empregos.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos