jan
01
Postado em 01-01-2013
Arquivado em (Artigos) por vitor em 01-01-2013 22:49


ACM Neto: emoção ao lembrar o avô no discurso de posse
=====================================

DEU FOLHA

NELSON BARROS NETO
DE SALVADOR

O deputado federal ACM Neto (DEM), 33, assumiu oficialmente a Prefeitura de Salvador na tarde desta terça-feira (1º). Prevista para às 15h30 (no horário de Brasília), a posse só aconteceu quase às 17h devido a uma grande confusão na Câmara Municipal.

Houve aglomeração, empurra-empurra e até troca de agressões entre pessoas que queriam ter acesso à cerimônia. Não houve credenciamento prévio para participar da posse e o local não tinha capacidade para acomodar tantas pessoas.

O evento encheu a Praça Tomé de Souza (Municipal) de parentes, assessores e moradores da cidade. O local fica próximo do Elevador Lacerda, um dos principais pontos turísticos da capital baiana. Além de ACM Neto, 43 vereadores e a vice-prefeita Célia Sacramento (PV) foram empossados.

Quando recebeu o diploma, o novo prefeito chorou e ouviu gritos de “ACM voltou”, repetindo as comemorações de 28 de outubro passado, quando ele ganhou o segundo turno da eleição contra Nelson Pelegrino (PT).

“Certa vez, conversando com meu avô [o ex-senador Antonio Carlos Magalhães, morto em 2007], ele me confessou que nunca se sentiu tão realizado como quando foi prefeito de Salvador. Ninguém pode negar que ele fez uma administração que foi um marco para essa cidade [nos anos 1960]”, disse ACM Neto em discurso nas escadarias do Palácio Tomé de Sousa, sede da prefeitura.

O senador José Agripino Maia (RN), presidente nacional do Democratas, compareceu ao evento. Ele precisou de um cordão de isolamento para entrar na sala da Câmara, junto com a mulher, devido à confusão que ocorria. A eleição de ACM Neto foi considerada fundamental para a sobrevivência do DEM, encolhido após derrotas nas urnas pelo Brasil.

A solenidade de transmissão do cargo estava marcada para acontecer ao ar livre, mas o cerimonial do ex-prefeito, João Henrique (PP), decidiu mudar para uma espaço interno. Ele encerrou o segundo mandato com a maior rejeição entre os gestores das capitais brasileiras -75%, segundo o Ibope.

O grupo afoxé Filhos de Gandhy fez uma apresentação em meio a manifestações de samba de roda e capoeira na praça, como costumava ocorrer em eventos com a presença do avô do novo prefeito. Uma associação que cobra a inauguração do metrô de Salvador, em obras desde 1999 e até hoje sem funcionar, também participou.

Dezenas de turistas que visitavam o Elevador Lacerda e o Pelourinho, vizinho ao lugar, aproveitaram para registrar o evento. Os franceses Eric Roumedal, 27, e Michel Barthez, 32, disseram que esperam uma cidade mais limpa e menos violenta na Copa do Mundo de 2014, quando pretendem voltar.

ACM Neto afirmou que, na quinta-feira (3), promoverá uma caravana com o novo secretariado para iniciar um mutirão e começar a resolver os principais problemas de serviços públicos “nos bairros mais pobres” de Salvador.

A solenidade só foi encerrada às 18h20, quando João Henrique terminou o seu discurso, também chorando, e o novo prefeito empossou todos os secretários.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos