==============================================

OPINIÃO POLÍTICA

Pesquisas, a nova rodada

Ivan de Carvalho

Uma pesquisa do Instituto Datafolha feita em algumas capitais e divulgada ontem (houve casos em que a coleta de dados foi concluída ontem mesmo) revelou algumas mudanças que, se não são radicais, são importantes e significativas.

Já em Salvador, onde não foi realizada pesquisa Datafolha, a grande novidade ficou por conta de pesquisa do Ibope – o candidato do PT, Nelson Pelegrino, finalmente conseguiu ultrapassar o democrata ACM Neto, embora estejam os dois, segundo o Ibope, em “empate técnico” e seja evidente – tendo em conta os índices de intenção de votos atribuídos aos demais candidatos – que haverá segundo turno e que, nele, se enfrentarão exatamente Neto e Pelegrino.
Primeiro, vamos ao exterior, pois que está na moda viajar. Em São Paulo, o candidato do PRB, Celso Russomano, que vem há muito tempo liderando as pesquisas, permanece na liderança apesar do bombardeio que passou a sofrer de quase todos os concorrentes – exceto Gabriel Chalita, candidato do PMDB, que passou a funcionar como linha auxiliar do petista Fernando Haddad e concentra-se no ataque ao tucano José Serra, com quem Haddad está disputando a segunda vaga no segundo turno, uma vez que a primeira vaga está garantida para Celso Russomano.
Em números: Russomano, que teve 35 por cento das intenções de voto na pesquisa Datafolha anterior, obteve 30 por cento na que foi divulgada ontem. Serra subiu de 21 para 22. Haddad subiu de 15 para 18.
Em Fortaleza, o candidato do PT, Elmano de Freitas, conseguiu afinal assumir a liderança, alcançando 24 por cento das intenções de voto, apesar da grande rejeição da prefeita petista Luiziane Lins. O candidato do PSB, Roberto Cláudio, com 19 por cento, com o apoio do governador Cid Gomes, está nos calcanhares do petista, enquanto o democrata Moroni Torgan, que vinha liderando as pesquisas, passou para o terceiro lugar, com 18 por cento.
Em Belo Horizonte e Recife o PSB nada de braçada. Em Belo Horizonte, com o apoio do PSDB de Aécio Neves, o prefeito Márcio Lacerda, candidato à reeleição, tem 45 por cento. Tinha antes 49, mas a queda é suave, porque o petista Patrus Ananias conseguiu somente subir de 21 para 22 – tem menos que metade do socialista.
Em Recife, Geraldo Júlio, do PSB nacionalmente presidido pelo governador de Pernambuco, Eduardo Campos, tem 42 por cento, com Daniel Coelho, do PSDB, em segundo lugar, com 22 por cento. A grande notícia do Recife é que o ex-ministro da Saúde Humberto Costa, candidato do PT, que começou liderando ao ser imposto ao PT do Recife por Lula e o comando nacional petista, desceu para o terceiro lugar, caindo, da anterior para a nova pesquisa Datafolha, de 23 para 17 por cento. Causa perdida.
E agora Salvador. Segundo o Ibope (já que o Datafolha não está dando bola para Salvador, talvez por falta de encomenda de pesquisas por algum veículo de comunicação social) –, o democrata ACM Neto está agora com 31 por cento (na véspera a Band/Vox Populi lhe atribuira 33 por cento, retirando-o do seu patamar de 40/39 por cento) e o petista Nelson Pelegrino alcançou a liderança, com 34 por cento. Para os que, como os institutos de pesquisa, levam em conta os empates técnicos, Pelegrino e Neto estão em empate técnico.
A presunção é de que, na semana de campanha que ainda resta, persista a tendência indicada pela pesquisa Ibope divulgada ontem. Mas o que é certo mesmo é que vão os dois, o democrata e o petista, para o segundo turno. A única maneira de mudar isto sem jogar a lógica no lixo seria a renúncia ou, talvez, a desistência informal dos outros concorrentes, que somam, agora, 14 por cento das intenções de voto.

Be Sociable, Share!

Comentários

Jader on 28 setembro, 2012 at 8:52 #

Corrigir MG. A queda não foi suave!!!??? O Patrus ganhará no segundo turno
MG: Lacerda segue na frente e levaria 2° turno, diz Datafolha
27 de setembro de 2012 • 21h28 • atualizado às 21h34

Reduzir Normal Aumentar Imprimir Notícia

——————————————————————————–
Comentar 0O Datafolha divulgou nesta quinta-feira a quarta pesquisa para Belo Horizonte, encomendada pela TV Globo e pela Folha de S. Paulo. Márcio Lacerda (PSB) segue como primeiro colocado, e aparece com 45%, uma queda de quatro pontos percentuais em relação ao levantamento anterior. Patrus Ananias (PT) oscilou um ponto para cima e tem hoje 32% das intenções de voto.

Conheça os candidatos a vereador e prefeito de todo o País
Acompanhe as pesquisas eleitorais
Veja o cenário eleitoral nas capitais
Confira quanto ganham os prefeitos e vereadores nas capitais brasileiras

Vanessa Portugal (PSTU) aparece com 3%, e Maria da Consolação (PSOL) e Tadeu Martins (PPL) têm 1% cada. Alfredo Flister (PHS) e Pepê (PCO) não pontuaram. Brancos e nulos somaram 9% e os que não sabiam outros 8%.

O instituto também simulou um segundo turno entre Lacerda e Patrus. O candidato do PSB teria 49%, contra 38% do nome do PT. Brancos e nulos são 8% e os que não sabem, 6%.

Na pesquisa sobre o índice de rejeição, em que os entrevistados são questionados sobre em qual candidato não votariam de jeito nenhum, Pepê lidera com 34% e Vanessa vem em segundo, com 29%. Martins tem 28%, Flister, 24%, e Maria da Consolação, 23%. Patrus aparece com 21% e Lacerda com 20%. Disseram que não votariam em nenhum dos pleiteantes 9% das pessoas, enquanto outros 6% afirmaram que votariam em qualquer nome.

Foram divulgados, ainda, os números considerando apenas os votos válidos, como faz a Justiça Eleitoral, ou seja, excluindo-se os votos brancos e nulos – no caso da pesquisa, também os indecisos. Lacerda levaria a eleição em primeiro turno, com 55% – Patrus teria 39% e os demais candidatos, somados, 5%.

O levantamento foi realizado com 1277 eleitores, entre os dias 25 e 26 de setembro. A margem de erro é de três pontos percentuais. A pesquisa está registrada no TRE-MG sob o número 00650/2012.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • setembro 2012
    S T Q Q S S D
    « ago   out »
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930