=======================================================

OPINIÃO POLÍTICA

Uma proposta inteligente

Ivan de Carvalho

De onde menos se espera às vezes é que vem.

Temos um Ministério da Saúde, 26 secretarias de saúde estaduais e a secretaria de saúde do Distrito Federal, centenas de secretarias e serviços de saúde municipais, escolas de medicina em muitas universidades federais, estaduais e municipais e centenas de hospitais públicos e privados. Muitas dessas instituições lidam com pesquisas médicas. Além disso, há um Conselho Nacional de Medicina e conselhos regionais de medicina.

Pois bem, não vem de nenhum desses lugares, mas do deputado estadual baiano Deraldo Damasceno, do PSL, uma proposta – em forma de indicação dirigida ao governador Jaques Wagner – para que a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia adote “a auto-hemoterapia nas unidades hospitalares do Estado”. Ele explica que o tratamento é “antigo e simples”. Foi usado pela primeira vez em 1911, mas sua utilização foi mais intensa na década de 1940, quando passou a ser usado para combater doenças infecciosas.

Foi a década de 40, no entanto, mais exatamente o ano de 1941, que introduziu na medicina a inovação que levaria ao abandono quase absoluto da auto-hemoterapia – o uso da penicilina no tratamento de seres humanos. Descoberta “por acaso” em 1928, a partir de um fungo, pelo escocês Alexander Fleming, a penicilina foi pela primeira vez utilizada em um ser humano, em 1941, para tratar um caso de septicemia (infecção generalizada a partir da infestação do sangue por bactéria). Salvou muitas pessoas durante a Segunda Guerra Mundial e abriu a porta para a criação e uso da ampla gama de antibióticos hoje disponível e em expansão.

Ora, se passaram a existir os antibióticos, pesquisados, inventados, produzidos e vendidos a bom preço, dando grandes lucros a tantos, para que mais serviria a auto-hemoterapia, humilde tratamento que só custa uma seringa com agulha e só exige uma pessoa habilitada a tirar 10 ml de sangue de uma veia do paciente e injetar esse sangue nos músculos bíceps ou glúteo (neste, de preferência, pois no bíceps seria necessário dividir a dose pelos dois braços). Como lugar de sangue é artéria, veia e coração, o sangue vazado no músculo será reconhecido como corpo estranho e o sistema imunitário imediatamente (em oito horas) multiplicará suas defesas (entre outros elementos, os macrófagos – que combatem bactérias, vírus, células cancerosas – quadruplicam) para combater o suposto intruso. E estará disponível, assim, para combater também o intruso verdadeiro, a bactéria responsável por infecção existente ou provável (se a pessoa está em um hospital, o risco de infecção hospitalar é grande, bom que esteja com o sistema imunitário funcionando a mil).

Ocorre que o abandono da auto-hemoterapia por causa do surgimento dos antibióticos foi uma estupidez. As duas terapias não são iguais no efeito – o antibiótico enfraquece a bactéria, dificulta sua reprodução ou a mata, enquanto a ação da auto-hemoterapia reforça extraordinariamente o sistema imunitário, o que os antibióticos não fazem. Se, portanto, o sistema imunitário de uma pessoa com infecção ou risco de ser contagiada estiver enfraquecido, por idade ou outros fatores, a auto-hemoterapia vai eliminar essa fraqueza e unir-se ao antibiótico no combate.

Além disso, há casos inacessíveis para o tratamento com antibióticos e que a auto-hemoterapia, se aplicada continuadamente, pode resolver, a exemplo da elininação gradual de coágulos, segundo explica o Dr. Luiz Moura, que pratica a auto-hemoterapia e é citado na indicação dirigida ao governador Jaques Wagner, apresentada na Assembléia Legislativa pelo deputado Deraldo Damasceno.

Be Sociable, Share!

Comentários

Fetha on 11 setembro, 2012 at 21:36 #

A Auto-hemoterapia é eficaz e está comprovada cientifcamente conforme estudos recentes publicados.

Imagens e documentos não mentem.

http://www.youtube.com/user/worldautohemotherapy


Ida Zaslavsky on 11 setembro, 2012 at 22:29 #

Terá apoio de todo o Brasil, e podemos enviar muito material informativo. Assim é que se pensa saúde coletiva, economia e eficiência nas atribuições de um cargo público. Estamos na torcida.


Ida Zaslavsky on 11 setembro, 2012 at 22:42 #

A Auto-Hemoterapia já é realidade no atendimento de saúde de inúmeras pessoas em todo Brasil, só não é nos estabelecimentos de saúde por critério dos Conselhos de Medicina. Todas as pessoas fazem e relatam seus tratamentos e benefícios, tratando de forma particular.


Alessandra Barreto on 12 setembro, 2012 at 1:59 #

Com certeza terá o apoio dos brasileiros. Pesquisas “válidas” não existem por falta de interesse (de farmácias, centros de pesquisa, conselhos)… mas a melhor pesquisa é a eficiência, na prática, de um tratamento. Pesquisa científica só serve para explicar detalhadamente como ocorre o processo desde a entrada do sangue no músculo até o efeito benéfico final (imunidade estimulada). O que importa, na realidade, são os benefícios que são conseguidos com o uso da Autohemoterapia. Os resultados sendo positivos, as pesquisas só servem para explicar aos estudantes o porque funciona. Para nós, pacientes, o que vale é o resultado!!! Parabéns pela iniciativa!!! Espero que ela seja inspiração para outras iguais!!!!


aldo on 12 setembro, 2012 at 6:35 #

Seria uma benção isto acontecer, porque a máfia da globalização engole tudo, isto não interessa ao governo porque não rende impostos,pois o que da dinheiro são os alopáticos que não curam e vc fica na situação de usar todos os dias igual a arroz e feijão !


Ubervalter Coimbra on 12 setembro, 2012 at 14:42 #

A proibição do uso da auto-hemoterapia pela Anvisa e pelos Conselhos Federais de Medicina (CFM), Enfermagem (Cofen) e de Farmácia (CFF) afronta a Constituição Federal. Foi uma fraude provada incontáveis vezes. A proposta do deputado estadual baiano Deraldo Damasceno, do PSL, ao governador Jaques Wagner, se aceita, colocará a Bahia na vanguarda do país na proteção da saúde de todos, particularmente dos mais pobres. De parabéns o deputado.


Clarice Gontow on 12 setembro, 2012 at 16:55 #

PARABÉNS pela iniciativa!!! Eu sou uma prova viva de que a Auto-Hemoterapia funciona!!! Faço há dezenove(19) anos e hoje, aos setenta(70) anos, sinto-me com mais vitalidade e energia do que aos cinquenta e um(51) anos, quando iniciei as aplicações por causa de sérios problemas circulatórios, além de dores na coluna e cistos nos ovários. A partir da 4ª aplicação já comecei a sentir os benefícios, os problemas circulatórios DESAPARECERAM, assim como os cistos ovarianos e dores da coluna. Hoje subo escadas, caminho, faço tudo o que naquela época não podia fazer!!! Faço a AHT como prevenção desde então! FAÇO e RECOMENDO!!!


Fetha on 12 setembro, 2012 at 17:56 #

Difícil compreender esta situação aqui no Brasil. Enquanto em países de primeiro mundo, como por exemplo – ESTADOS UNIDOS, ALEMANHA e PORTUGAL, a auto-hemoterapia é perfeitamente legal e praticada inclusive por profissionais de saúde: médicos e enfermeiros.

Se a AHT fosse aceita somente em países inexpressivos, ficaria difícil de acreditar na técnica. Mas isto reforça a teoria de que a AHT funciona.

Cito os casos dos nossos amigos no EUA, Sr. Arsenio Fornaro e esposa, que fazem auto-hemoterapia em New York, com o conceituado médico Dr. Vadim Zbarsky:
http://alturl.com/ukpa2

O criador do site AMIGOS DA CURA, Maurecir Mafra (que foi curado de câncer com a auto-hemoterapia), publicou no GRUPO AMIGOS DA CURA NO FACEBOOK:

http://www.facebook.com/groups/422963371070990/

“Vivo na Alemanha um pais super rigoroso em relação de tratamentos médicos,mas onde se pesquisa muito sobre outras alternativas. Aqui a Auto-hemoterapiaaa é legalizada e incentivada principalmente no inicio do inverno onde aumenta a incidencias de doencas virais.Aqui a mairoria dos medicos clinicos e Otorrino fazem a Autohemoterapia. E aqui se faz uso Autohemoterapia misturadas com medicamentos homeopaticos,vitaminas e oxigenio e a depender da enfermidade se faz uso de 50ml de sangue injentando-o por via venosa.E cada dia aumenta o numero de pessoas aqui que fazem usa dessa pratica.Aqui faco a AH com medico Otorrino, duas vezes por semanas a 5ml.”

E também os nossos amigos lusitanos que mantém sites e Grupos em redes sociais, e em especial a nossa amiga Margarida, que muito nos ajuda na divulgação da AHT, cujo site é:
http://www.autohemoterapiaportugal.com/

Hoje já são 5 anos de proibição SOMENTE aos profissionais de saúde e também SOMENTE no Brasil.

As alegações da ANVISA de que a técnica possa provocar riscos imprevisíveis imediatos ou tardios a saúde, e falta de embasamento científico, há muito já não procedem.

A rede GLOBO, em reportagem sobre a auto-hemoterapia no FANTASTICO, em abril de 2007, mostrava os fatos de forma distorcida. Nada do que foi veiculado nesta reportagem se concretizou. E muito pelo contrário, inúmeros testemunhos de usuários que foram beneficiados com a auto-hemoterapia foram divulgados pela internet. E a própria Rede Globo, em dezembro de 2011, veiculou a reportagem no programa Globo Rural, na qual o Médico Veterinário, professor Dr. Antônio Candido, profissional da EMBRAPA, fez uma demonstração a todo país, de aplicação da AHT em um bovino. E afirmou a eficácia da técnica. E como disse um agropecuarista: “Até em bois o tróço funciona”.

Em vários sites, inúmeras são as publicações, muitas documentadas inclusive, que comprovam a eficácia da auto-hemoterapia.

Recentes Estudos Chineses comprovam cientificamente, não somente a eficácia, mas como também a “segurança” da auto-hemoterapia.

Estas matérias podem ser vistas no canal do youtube:
http://www.youtube.com/user/worldautohemotherapy

E muito bem colocado no texto, o maior desespero vêm das pessoas que estão doentes e querem iniciar o tratamento, mas não encontram apoio.

O que estão esperando os órgãos de saúde do país, e também a classe médica em geral, para se interessarem pela auto-hemoterapia. Mais algumas décadas de proibição?

Como é possível que em países avançados, a AHT seja livremente praticada, aceita e perfeitamente legal, enquanto aqui no Brasil, um país pobre, que se dá ao luxo de proibir a AHT, e ainda continuar com esta polemica sobre esta terapia que já ajudou muitas pessoas.

COMENTARIO PUBLICADO EM:

COMO FAZER AUTO-HEMOTERAPIA – COMO VENCER AS DIFICULDADES DE NÃO ENCONTRAR QUEM FAÇA O PROCEDIMENTO?

http://filosofiaetecnologia.blogspot.com.br/2012/09/como-fazer-auto-hemoterapia-como-vencer.html


Joel Martini de Campos on 12 setembro, 2012 at 19:14 #

Parabéns deputado, o Brasil precisa de homens como o senhor pois essa proibição atinge a população carente do pais.Usada desde 1898 portando à 114 anos essa terapia antecedente aos medicamentos era o SANTO REMÉDIO para todos nós.Começaram a esquece-la para vender medicamentos,abraço,PRONTO ESCREVI !!!


Fetha on 13 setembro, 2012 at 3:29 #

BLOG DO DEPUTADO DAMASCENO:

Damasceno sugere antiga técnica para prevenção de novas doenças

http://deraldodamasceno.blogspot.com.br/2012/09/damasceno-sugere-antiga-tecnica-para.html


Sole Araw on 15 setembro, 2012 at 10:58 #

Apoio totalmente o uso da autohemo terapia. Vamos divulgar.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • setembro 2012
    S T Q Q S S D
    « ago   out »
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930