Assange:na embaixada do Equador
sob pressão britânica
================================================

O Equador anunciará hoje, quinta-feira, 16, a sua decisão relativamente ao asilo pedido por Julian Assange, fundador do Wikileaks.

O ministro equatoriano dos negócios estrangeiros anunciou ontem em conferência de imprensa que já foi tomada uma decisão em relação ao caso.

Ricardo Palatino disse ainda que a embaixada do Equador em Londres, onde Julian Assange está refugiado, poderá ser tomada de assalto caso este não seja entregue às autoridades britânicas.

As afirmações de Patiño surgem depois de o ministério britânico dos Negócios Estrangeiros se ter declarado “determinado” a cumprir a extradição de Assange, de acordo com a agência France Presse.

“O Reino Unido tem a obrigação legal de extraditar Assange para a Suécia para ser interrogado, e continuamos determinados a cumprir esta obrigação”, disse um porta-voz dos Negócios Estrangeiros britânicos, em Londres, na noite de quarta-feira.

(Com informações do Diário de Notícias, de Portugal)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos