Obama:abalado com violência interna

============================================

O Presidente norte-americano, Barack Obama, disse que os EUA precisam, colectivamente, “pôr a mão na consciência” e tentar perceber como poderão reduzir os níveis de violência, após o segundo tiroteio no país em menos de um mês.

“Todos reconhecemos que este tipo de acontecimentos terríveis e trágicos estão ocorrendo com demasiada regularidade para que não ponhamos a mão na consciência e examinemos maneiras adicionais de redução da violência”, disse Obama esta segunda-feira num evento não relacionado com o recente tiroteio num templo sikh, perto de Milwaukee, Wisconsin.

Obama já prometeu, após este e o tiroteio de Aurora, Colorado, que irá trabalhar com organizações civis e com políticos para que se chegue a um consenso sobre a matéria, embora não tenha fornecido mais detalhes acerca do que pretende efectivamente fazer.

Durante a campanha eleitoral em que Barack Obama disputa a reeleição com o candidato republicano Mitt Romney, os assuntos abordados têm-se centrado mais nos temas económicos do que no controlo das armas existentes nos EUA.

Um tiroteio num templo sikh em Oak Creek, um subúrbio do estado norte-americano de Winconsin, causou este domingo sete mortos e três feridos graves. O autor dos disparos – um neonazi de 40 anos identificado como Michael Page – foi morto pela polícia.

Este tiroteio ocorre duas semanas após o massacre numa sala de cinema em Aurora, onde James Holmes, de 24 anos, disparou sobre as pessoas que assistiam à estreia do último filme da série Batman, causando 12 mortos e 58 feridos.

(Publicado no jornal PÚBLICO, de Lisboa)

Be Sociable, Share!

Comentários

regina on 7 agosto, 2012 at 13:04 #

…e quando o Estado vai parar de dizer uma coisa e fazer outra?


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos