ago
06


Zanetti:no posto mais alto da ginástica olímpica

====================================

iDEU NO IG

Com oito anos de atraso, a ginástica artística do Brasil conquistou sua primeira medalha olímpica, e, melhor ainda, de ouro. Arthur Zanetti, de 22 anos, paulista de São Caetano do Sul (criado em São Bernardo),confirmou a condição de favorito e ficou com a nota de 15.900 na final das argolas, nesta segunda-feira, nos Jogos de Londres.

Antes de Zanetti, Daiane dos Santos falhou nos Jogos de Atenas 2004, no solo, quando terminou na quinta colocação, e Diego Hypólito, no mesmo aparelho, sucumbiu em Pequim 2008, terminando em sexto lugar. Dessa vez, o vice-campeão mundial do aparelho em 2011 fez bonito. A prata ficou com o chinês Chen Yibing, atual campeão olímpico, com a nota de 15.800 pontos. O italiano Matteo Morandi levou a medalha de bronze, com 15.733.

A nota final da ginástica artística é a soma de duas pontuações: o nível de difculdade da série do ginasta e a excecução. Zanetti fez uma série de dificuldade 6.8 e, partindo de 10 em execução, tirou 9.100. Na soma, ficou com 15.900.

A final marcou a despedida do ginasta búlgaro Iordan Iovtchev, de 39 anos. Atual presidente da federação do seu país, Iovtchev terminou na sétima colocação, em sua sexta participação olímpica.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos