Videla , que já cumpre perpétua,recebe outra
condenação com o general Bignone(ao lado)

==============================================
DEU NO UOL

DE BUENOS AIRES

O ex-ditador Jorge Rafael Videla, 86, foi condenado nesta quinta-feira a 50 anos de prisão por conta do sequestro de bebês durante a última ditadura militar argentina (1976-1983).

Videla foi julgado ao lado de Reynaldo Bignone -que foi o último dirigente da ditadura no país-, além de outros ex-militares e ex-autoridades de segurança.

O ex-mandatário e outros dez acusados ouviram as sentenças no tribunal de Comodoro Py, em Buenos Aires. As penas variaram de 15 a 50 anos.

Pela primeira vez, a Justiça declara que houve um plano sistemático de sequestro de recém-nascidos, filhos de prisioneiros políticos. Até então, os casos eram tratados de forma isolada. A nova abordagem permite considerar os crimes como de lesa humanidade, podendo levar a novas detenções de outros envolvidos.

Condenado em 2010 à prisão perpétua por um tribunal de Córdoba pelo fuzilamento de dezenas de presos políticos em 1976, Videla já acumula vários processos por outras causas devido a crimes cometidos durante o regime militar argentino.

ROUBO DE BEBÊS

Segundo a associação Avós da Praça de Maio, foram subtraídos 500 bebês no período, sendo entregues para famílias de militares. As Avós já recuperaram 105 desses jovens, hoje na casa dos 30 anos.

O general condenado deu declarações, na semana passada, que revoltaram a sociedade. “Apesar de respeitá-las como mães, as mulheres grávidas mencionadas pela acusação eram ativistas que usaram seus embriões como escudos humanos durante combate”, disse, em sua defesa.

Segundo Alan Iud, da equipe jurídica das Avós, a sentença vem em boa hora, porque o sequestro de bebês “é o que distingue a crueldade da ditadura argentina em comparação com outras da região”.

DEU NO UOL

O ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva afirmou nesta quinta-feira que pretende ir ao Japão acompanhar o Corinthians na disputa do Mundial de Clubes. Recuperado de um câncer na laringe, Lula disse à rádio Estadão/ESPN que deseja apenas estar vivo para viajar no fim do ano.

“Espero estar vivo para poder estar lá (no Japão)”, disse o ex-presidente.

Campeão da Libertadores, o Corinthians será o representante sul-americano no Mundial, disputado em dezembro. O inglês Chelsea, vencedor da Liga dos Campeões, vai ser o time europeu no torneio.

“Não vamos enfrentar nenhum Real Madrid, Barcelona ou Bayern de Munique. Vamos enfrentar um time que foi campeão, mas é certamente o mais fraco. O Corinthians tem chances”, analisou Lula.

Lula revelou que acompanhou a final contra o Boca Juniors, vencida por 2 a 0 com gol de Emerson, de sua residência e que nem orientações médicas o impediram de vibrar com a inédita conquista continental.

“Quase cometi a loucura de ir para o Pacaembu, mas fiquei em casa e assisti com meus filhos. Não gritei gol porque tenho recomendações médicas para preservar a garganta. Mas meu grito foi silencioso, comemorei muito”, falou o corintiano.

================================================

DEU NA COLUNA DE FELIPE PATURY – VEJA

Dilma e Lula vão fazer campanha em Salvador

A presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula prometeram ao deputado Nelson Pelegrino (PT-BA) que vão participar da campanha do petista à prefeitura de Salvador. Também ficou acertado que o deputado cassado José Dirceu também vai tentar ajudar Pelegrino,mas esta participação depende do julgamento do mensalão, processo no qual Dirceu é o principal réu. Pelegrino conseguiu fechar uma aliança com 14 partidos e tem metade do tempo de propaganda na TV.

Leonel Rocha

http://youtu.be/OvJ3YHHfFkA

============================================
“Meu Amor ao Timão”-Corinthians

compositor:Adoniran Barbosa

como é bom ser alvi-negro
ontem, hoje e amanhã
respirar o ar mistura
do Tietê a Tatuapé
lá no alto a velha Penha
Da Anchieta e Bandeirantes
Ver São Jorge lá na lua
Abençoando a fazendinha
Onde mora um gigante
Tem igreja e tem biquinha

Coríntia, Coríntia
Meu Amor é o timão
Corítina, cada minuto
Dentro do meu coração

Belém, Vila Maria e Moóca
E São Paulo extensão
Mogi, Guarulhos, Itaquera
Tudo vibra coringão
É o corítia de nóis tudo
É Paulista é campeão

Adoniran Barbosa
Nascimento6 de agosto de 1910
Valinhos

Morte23 de novembro de 1982 (72 anos)
São Paulo

Nacionalidade brasileira

Adoniran Barbosa morre em 1982, aos 72 anos de idade.
.

=======================================

Dá-lhe, Timão!!!

VIVA ADONIRAN!!!

festa para todos em São Paulo e no Brasil nesta quinta-feira.

(Vitor Hugo Soares)

>
———————————————————–

===============================================

CRÔNICA/DEUSES

O Timão e a partícula de Deus!

Maria Aparecida Torneros

Essa coisa de unanimidade, em tempos de globalização, é avento dos Deuses, ou é conversa particular de um Deus que se deixa descobrir através de uma partícula, anunciada e comemorada, pelos físicos do mundo inteiro, num 4 de julho infestado de festas. A grande festa do futebol brasileiro aconteceu, finalmente, em São Paulo com a conquista da taça Libertadores pelo Timão, o Corinthians que anestesia milhões de torcedores em torno da sua bandeira em preto e branco.

Começo a me interessar pela tal Descoberta da partícula de Deus, na verdade, o Bózon de Higgs, este objeto de estudo dos físicos que buscam entender e explicar a origem do Universo.

Encontro muitas informações na internet, a maioria delas me foge à compreensão porque tenho pouco repertório no campo da matemática, mas consigo entender por exemplo esta:
“Uma equipe de físicos do LHC, o acelerador de partículas do Centro Europeu de Pesquisas Nucleares (CERN), anunciou a descoberta de uma suposta Partícula de Deus, o Bóson de Higgs. Mas, qual a importância dessa partícula para física?

Segundo Alberto Santoro, físico brasileiro que trabalha em um dos experimentos do Centro Europeu de Pesquisas Nucleares (CERN), ao afirmar a sua existência, é possível comprovar a teoria do Modelo Padrão, capaz de mudar fundamentalmente o conhecimento da física sobre o Universo.

Isso porque o físico Petter Higgs propôs uma teoria a fim de entender como o Universo foi criado. Para ele, quando aconteceu o Big Bang, a explosão que originou o Universo há 14 bilhões de anos, todas as partículas eram iguais.

Após a explosão, o cosmos esfriou e se formou um campo de força invisível, o “campo de Higgs”, com seus respectivos bósons (um tipo de partícula subatômica). Então, essa partícula, o Bóson de Higgs, interagiu com todas as outras e passou uma massa para cada uma.

Esse campo permanece no cosmos e qualquer partícula que interaja com ele recebe uma massa através dos bósons. Quanto mais interagem, mais pesadas se tornam. As partículas que não interagem permanecem sem massa. Portanto, as partículas só conseguiram ganhar massa devido ao Bóson de Higgs.

Então, descobrir a existência dessas partículas em simulações no LHC, acelerador de partículas, explica como as partículas têm massas tão diferentes umas das outras. Logo, a descoberta do Bóson de Higgs confirma as teorias criadas nas últimas décadas, uma vez que essa partícula é a única que falta ser analisada.

Além de um problema da física ser resolvido, todos saberão que as massas têm uma origem bem definida. Isso é muito importante para todas as leis fundamentais da física.”

Bem, uma enorme massa de torcedores se envolve hoje com a alegria da vitória do Timão. É massa que movimenta intensa energia humana, em mundo competitivo que se move à custa de movimento de corpos no espaço, busca de marcação de gols, em aceleração contínua de músculos e objetivos em torno de um foco único: vencer e levantar a taça!

Assim, equipes de homens e mulheres, integram a presença das suas forças na humanidade oferecendo ao Planeta, repentinamente, a concomitância de conquistas. Tanto no futebol, no esporte, quanto na física, na ciência, há que perceber que qualquer parte por menor que possa parecer, é responsável pelo resultado macro, ainda que ele escape, em teoria, ao nosso entendimento, é fácil sentir, intuir, se deixar contaminar pela alegria de constatar que funcionamos sim, em equipe, como diz o treinador técnico do Corinthians, o Tite, sobre a amizade do grupo, ou seja, o quanto é importante que pessoas se unam em torno de causas, para descobrir Deus, levantar taças ou até para tentar compreender o que uma coisa tem ou não tem nada a ver com a outra…

Aceleremos pois, e vamos comemorar a vitória das equipes tanto do LHC como do Timão, ora, ora!!! Maria Aparecida Torneros, escritora , jornalista e professora universitária, mora no Rio de Janeiro, onde edita o Blog da Cida. Colaboradora de primeira hora do Bahia em Pauta .

jul
05
Posted on 05-07-2012
Filed Under (Charges) by vitor on 05-07-2012


======================================
Sid, hoje, no portal Metro1

jul
05

=========================================================

OPINIÃO POLÍTICA

Cassação e voto aberto

Ivan de Carvalho

Há, no Brasil, uma luta de parte da sociedade para acabar com o voto secreto nas casas legislativas. A alegação, algo simplista, é a de que os parlamentares foram eleitos pelo povo e este deve conhecer suas posições políticas, administrativas e éticas – todas elas definidas, em instância final, pelos votos que dão ao decidir as mais variadas questões, desde a aprovação ou rejeição de propostas legais à aprovação ou rejeição de nomes para certos cargos e à cassação de mandatos eletivos.

Mas um rápido exame dos casos em que o voto secreto é atualmente praticado no Congresso Nacional – na maioria deles, no Senado Federal – e nas Assembléias Legislativas ou até nas Câmaras Municipais leva à fácil conclusão de que o bom senso não recomenda a mudança radical que se tem proposto com tanto barulho.

Há um caso em que o sentimento corporativo tem levado a decisões que irritam a sociedade – tanto a parte dela que defende o voto parlamentar aberto de forma ampla como a que não chega a tanto, por ser capaz de perceber o outro lado da moeda. Ainda assim, há razões para dúvida quanto ao melhor caminho a seguir.

Refiro-me as votações secretas em que os plenários da Câmara, do Senado e demais casas legislativas decidem, em votações secretas, sobre cassação ou não dos mandatos de um ou alguns de seus pares. O sentimento corporativo – defesa recíproca, além de relações de amizade e preservação coletiva de poder da função de parlamentar – conspira para que, no voto secreto, longe dos olhos do eleitorado e da sociedade, prevaleça a transigência com os “malfeitos”.

Claro que a instituição sai ferida – e cada vez mais profundamente, pela repetição de episódios –, mas, individualmente, o parlamentar que vota secretamente pela manutenção de um mandato que não deveria subsistir não tem sua decisão conivente revelada aos eleitores e à sociedade. Assim, ele acha que, pessoalmente, “escapou”, driblou a opinião pública e geralmente isso é mesmo verdadeiro.

Ontem, o plenário do Senado aprovou, por 56 votos a 1, o fim do voto secreto para as cassações de mandato de deputados e senadores. A chamada Proposta Emenda Constitucional do Voto Aberto (só para o fim mencionado) deverá ainda tramitar na Câmara dos Deputados para que possa ser promulgada. Não se espera que haja tempo de a futura norma tornar-se vigente a tempo de reger a votação sobre a cassação do mandato do senador Demóstenes Torres. Mas isto não importa, é apenas um caso isolado.

É certo que a Câmara também aprovará a PEC. Vale observar que, assim como o corporativismo pode resultar em decisões coniventes com o erro, a eliminação do voto secreto em um dos casos previstos na Constituição, esse caso de cassação de mandatos parlamentares, tem seus riscos. Uma pressão muito forte de um governo com ampla maioria pode, por causa do voto aberto, levar a uma decisão injusta ou levar parlamentares sem firmeza (são muitos) a votar contra a própria consciência para não ir contra o governo, o partido, certas entidades ou movimentos sociais, a opinião pública, a posição majoritária da mídia. E, assim, a preocupação em não deixar de punir o errado pode levar, em casos extremos ou em caso de fraqueza do regime democrático, a punir o inocente.

De qualquer maneira, o caso de cassação de mandato, dos previstos na Constituição, é o único em que – por causa do notório corporativismo – é admissível o voto aberto. Nos outros casos constitucionais, extinguir o sigilo seria incentivar pressões, intimidação, tudo de ruim para o exercício da liberdade e da democracia.

===========================================

Salve o corithians o campeao dos campeao…

BOA NOITE!!!

(VHS)


Emerson, o cara do jogo, arranca
para o gol e o triunfo histórico/IG

=========================================

DEU NO IG

O único grito de campeão que faltava para o corintiano soltar ecoou no Pacaembu nesta quarta-feira. Menos sofrido do que poderia esperar, o torcedor do time se libertou daquele nó que há décadas estava preso em sua garganta. A Libertadores de 2012 é do Corinthians. Não há mais tabus para serem quebrados e a grandeza do clube agora é do tamanho da América. Que venha o mundo. De novo. O Boca Juniors, hexacampeão, foi coadjuvante na festa.

Porque o nome do protagonista é Emerson. O “Sheik”, autor de um gol decisivo contra o Santos nas semifinais e do passe para o gol de Romarinho no jogo de ida da decisão, em La Bombonera, abriu o placar aos 8 minutos, depois de receber passe de costas de Danilo. Aos 46, o mesmo Emerson roubou uma bola no meio do campo, ganhou do zagueiro na velocidade e tocou com precisão no canto esquerdo do goleiro. A fatura estava liquidada.

De forma invicta, após 14 jogos, o Corinthians entrou definitivamente no hall dos campeões da Libertadores depois de vencer o Boca por 2 a 0 no Pacaembu. O time paulista é o sexto na história a conseguir o título da Libertadores sem perder nenhum jogo da campanha. Um feito gigante e que torna a conquista ainda mais incontestável.

Se havia barreira mais difícil para ser transposta antes do seu primeiro título, o Corinthians passou por ela nesta final com autoridade. O multicampeão Boca Juniors não conseguiu calar os gritos de mais de 37 mil torcedores. O mesmo aconteceu nas fases anteriores quando o time de Tite eliminou o Santos, campeão da Libertadores de 2011, e o Vasco, atual vice-campeão brasileiro.

LEIA MAIS SOBRE O CORINTHIANS E A DECISÃO NO IG

  • Arquivos