maio
29
Postado em 29-05-2012
Arquivado em (Artigos) por vitor em 29-05-2012 00:12

==================================

OPINIÃO POLÍTICA

Outro escândalo

Ivan de Carvalho

Pronto. Acaba de explodir outro escândalo na República. Este envolve o ex-presidente Lula, o ex-presidente do STF, ex-ministro da Justiça de FHC e ex-ministro da Defesa de Lula, Nelson Jobim e o ministro do STF Gilmar Mendes. Celso de Mello, o mais antigo ministro do STF, manifestou-se solidário com Gilmar Mendes e atacou energicamente a ação atribuída ao ex-presidente Lula.

Formou-se uma confusão, uma polêmica sobre o encontro ocorrido no escritório do ex-ministro Nelson Jobim, muito amigo de Lula e ex-colega de Gilmar Mendes no STF. O encontro reuniu os três. Pela história levantada por jornalistas e publicada, principalmente ontem, Mendes estava querendo visitar Lula, de quem se tornara muito amigo – a amizade se estendia às respectivas esposas – por causa do problema de saúde do ex-presidente da República. Um dia, Sarney comentou com Mendes que estava indo a São Paulo visitar Lula e o ministro do STF sugeriu que o presidente do Senado intermediasse um encontro. Houve o encontro algum tempo depois. Gilmar entrou feliz no escritório de Jobim e saiu injuriado e indignado. A revista Veja desta semana traz matéria sobre o assunto, tendo como sua fonte essencial o ministro Gilmar Mendes. E porque ele se indignara?

Mendes garante que Lula quis pressioná-lo sobre o julgamento do Mensalão, que o PT e o próprio Lula não querem que aconteça este ano. Ano de eleições. Além de que, ficando o julgamento para depois, muitos crimes de penas menores iriam prescrever. Inclusive o de formação de quadrilha, que ameaça José Dirceu, apontado na denúncia da Procuradoria Geral da República como o “chefe de sofisticada organização criminosa”.

Mendes estava certo de que iria encontrar Lula no gabinete de Jobim. Este diz que Mendes passou lá por acaso, pois ambos vêm fazendo um trabalho de resgate da memória da Constituinte de 88 e, por uma dessas coincidências que deixam os céticos com um sorriso amarelo, pois parecem milagres, lá no escritório estava o presidente Lula.

Bem, o Blog do Moreno revelou ontem alguma coisa de grande interesse sobre esse particular. Citando Jobim em declaração dada ao blog no sábado à tarde: “O encontro era de Lula comigo. O Gilmar apareceu por coincidência. … Foi uma grande coincidência! Três dias antes, a Clara Ant me ligou avisando que o Lula ia me ver. O Gilmar não sabia que iria encontrar o Lula”.

E completa o Blog do Moreno: “Hoje, Jobim está nos jornais e sites dizendo que Lula pediu a ele para chamar Gilmar. Que ele ligou pro Gilmar para chamá-lo para o encontro”. Para então perguntar: “Em qual Jobim devo acreditar? Naquele que me jurou no sábado que a presença de Gilmar no seu escritório foi mera coincidência? Ou no Jobim de hoje? Era só isso que eu tenho a dizer, caro leitor”.

Bem, já existem mil aspectos nesse perigoso caso, inclusive uma nota oficial de Lula. E uma decisão da oposição de entrar na Procuradoria Geral da República com uma representação contra ele, sob a acusação de corrupção ativa e tráfico de influência no julgamento do caso do Mensalão. Lula não tem mais foro privilegiado e, dependendo do teor da representação, o procurador geral encaminhará o caso às autoridades competentes.

São dois dados. Devido ao espaço limitado, encerro com uma declaração do ministro Celso de Mello, do STF: “Tentar interferir dessa maneira em um julgamento do STF é inaceitável e indecoroso. Rompe todos os limites da ética”, disse ele, acrescentando: “Se ainda fosse presidente da República, esse comportamento seria passível de impeachment por configurar infração político-administrativa, em que um chefe de Poder tenta interferir em outro”. Celso de Mello disse mais, do que dá conta o Blog do Josias, no UOL.

Be Sociable, Share!

Comentários

vangelis on 29 Maio, 2012 at 0:37 #

“Se ainda fosse presidente da República, esse comportamento seria passível de impeachment por configurar infração político-administrativa, em que um chefe de Poder tenta interferir em outro”. Celso de Mello.
Gostaria que alguém de notável saber jurídico me tirasse uma dúvida: Na hipótese do Sr.Lula da Silva, agora como ex-presidente, portanto, na condição de um cidadão civil, ter tentado intimidar o Ministro Gilmar Mendes insinuando que ele teria viajado a Berlin às custas do Cachoeira a fim de que ele adiasse o julgamento do Mensalão, o Ministro Gilmar Mendes não poderia ter dado VOZ DE PRISÃO por tentativa de chantagem de Autoridade Pública?


Ivan de Carvalho on 29 Maio, 2012 at 1:29 #

Bem, Vangelis. Eu acho que não, sendo uma “insinuação” e no contexto que tem sido descrito.
Mas para se certificar, o prezado comentarista pode consultar o seu advogado.


Almério on 29 Maio, 2012 at 8:00 #

Sou advogado…. essa estória contada pelo Gilmar Mendes é falsa, tanto que agora volta atrás e diz não ter sido bem interpretado. Ao contrário do que diz a matéria, eles nunca se deram vem, o sr Gilmar tem um histórico de inverdades, basta lembrar do suposto grampo no STF.
O problema é que descobriu-se, e isso será divulgado na CPMI, que o Mendes viajou com as contas pagas pelo Cachoeira para encontros na Alemanha com o Demóstenes Torres. A Veja, que era pautada com informações mentirosas do Cachoeira, está desesperada, pois foi cúmplice em uma série de crimes, e não apenas contra a honra.
O nobre ministro mais uma vez mentiu, sua mentira está sendo mais uma vez desmontada, menos pelos os jornalões do eixo Rio-SP que guardam um preconceito enorme contra o Lula. (Sou da BA e moro em Ctba, vcs não imaginam as barbaridades q ouço sobre nós do Nordeste)
Além do mais o Ministro não tem competência para adiar o julgamento… Deve-se pesar ainda, pq o Lula, doutor em política, conversaria sobre tal assunto com o Gilmar, que fora posto no STF pelo FHC e nunca, ao contrário do que diz a matéria, gostou do Lula? Basta ver o histórico dos seus ataques ao ex-presidente.
Essa suposta conversa foi desmentida pelo próprio Lula (mas quem acredita nele na imprensa?), pelo Jobim, e agora, na última entrevista dada em Manaus, o próprio Mendes recua.
Por isso, e tantas outras, afirmo, Gilmar Mendes, mentiu, criando, novamente, factóides na Veja para difamar alguém e poder levantar suspeitas sobre os fatos que aparecerão na CPMI envolvendo seus amigos e a si.
Vcs já se perguntaram pq o Joaquim Barbosa, em plena sessão no STF disse não ter medo dos capangas do Mendes?


Almério on 29 Maio, 2012 at 8:09 #

Vejam….

A diferença entre o que a Veja publicou e as declarações do Mendes

http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/o-recuo-de-gilmar-mendes


jader on 29 Maio, 2012 at 8:20 #

danilo on 29 Maio, 2012 at 10:04 #

pois é, camarada Almério Albânio. é tudo mentira. o encontro não aconteceu. Lulla é um santo, jamais participaria de algo assim.

mas tem um porém. Gilmar Mendes não negou os fatos ocorridos, como você quer determinar (a serviço das autoridades de Tirana??).

agora mesmo, pela manhã, Mendes responde à declaração, e confirma toda a conversa que tiveram no cafofo de Jobim.

não esqueça de algo. o tempo foi o maior inimigo dos regime militar. e o mesmo acontecerá com reinado do Imperator Lullóvski. afinal já são mais de 10 anos de exercício de poder.

historicamente, é a duração de tempo de saturação de um regime. a não ser em ditaduras. e até o momento ainda não somos uma ditacuja. Brasil não é Cuba, camarada Almério Albânio.


Graça Azevedo on 29 Maio, 2012 at 18:05 #

Sobre Gilmar: o artigo de Dalmo Dallari é magistral.


Carlos Volney on 29 Maio, 2012 at 19:22 #

O que me parece mais relevante nessa história é que os 3 – LULA, GILMAR e JOBIM – merecem, pelas atitudes pregressas, credibilidade igual dos que preservam um mínimo poder de análise e não estão com a visão obnubilada pelo fanatismo político.
Para mim, portanto, para que fique bem claro, tanto Lula é capaz de ter feito quanto Gilmar de ter inventado.


Olivia on 30 Maio, 2012 at 13:04 #

Informo que o doutor Paulo Lacerda já está no Brasil, observando, de camarote, todos os fatos. Nada como um dia após o outro dia. Não foram esses mesmos personagens que o destituiu do comando da PF? Cadê os audios dos grampos?!!!


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos