http://youtu.be/OXLqC34_3K0
Janio
==================================================

============================================

ATENÇÃO: CORRA, QUE ESTÁ QUASE NA HORA DE COMEÇAR O ÚLTIMO SHOW DA TEMPORADA DE CHICO EM SALVADOR. DEPOIS DESTE SÁBADO BY BY BRASIL, SÓ NO PRÓXIMO DISCO, TALVEZ, OU EM OUTRO CHICO E CAETANO NO TCA, QUEM SABE? SEM EXILIO!. FAÇA COMO REGINA , QUE VEIO DA CALIFÓRNIA E HOJE VAI AO TCA VER CHICO PELA SEGUNDA VEZ NA TEMPORADA BAIANA.

boa noite!!!

(VHS)

=================================================

ARTIGO/ PEGADA

Chico desafia Caetano

Janio Ferreira Soares

Vamos imaginar que a Globo resolvesse produzir novamente Chico e Caetano, programa que fez grande sucesso na década de 80, só que agora num formato onde os anfitriões e convidados só poderiam apresentar músicas compostas recentemente. Portanto, nada de neguinho cantando Rapte-me Camaleoa e Olhos nos Olhos, tampouco Gil interpretando Drão, ou Milton regendo o coral em Maria Maria. Alguma dúvida de que apenas Chico mataria a pau?

Seu novo disco é um desses afagos sonoros que meus velhos ouvidos, moldados pelas pérolas musicais das difusoras do sertão do São Francisco, não esperavam mais ouvir de nenhum desses geniais compositores, quase todos acomodados ou experimentando batidas eletrônicas que não combinam com seus passos de elefantinhos septuagenários.

Mas agora que Chico provou que é possível manter a pegada mesmo com o cabelo cinza e sem generais a espreita, é de se esperar que seus contemporâneos se sintam provocados, assim como ele, que disse numa entrevista que o fato de Milton, Gil e Caetano ainda estarem na ativa é um estímulo para continuar compondo. Me engana, Francisco!

Vi seu show em Recife, na mesma noite em que Paul MacCartney levava ao delírio milhares de pessoas no Estádio do Arruda. E enquanto o ex-beatle ia de Let it Be e Yesterday, Chico atacava com várias novidades, surpreendentemente acompanhadas por dezenas de vozes que, se ainda derrapam nas letras, transitam numa boa pelas sinuosas curvas das delicadas melodias.

Solto e despertando em moçoilas e balzacas um misto de desejos lascivos e instintos maternos, ele anda de bem com a Lua. E o motivo é a cantora Thais Gulin, essa sim, o verdadeiro estímulo que o fez resgatar lá do fundo do tacho boleros, blues, baladas e baiões, que pareciam definitivamente encantados entre os botecos de Ipanema e as esquinas do Leblon. A propósito, soube que Caetano anda compondo para seu novo disco. Tomara que ele também esteja apaixonado, ou pelo menos que já tenha terminado seu atual romance com Mrs. Sampler e reatado com o bom e velho violão de nylon.

Janio Ferreira Soares, cronista, é secretário de Cultura, Turismo e Esportes de Paulo Afonso, lado baiano do Vale do São Francisco.

Conf

Be Sociable, Share!

Comentários

regina on 13 Maio, 2012 at 14:08 #

Ah, Janio, você e eu podemos comprovar os efeitos do amor na vida de um sujeito, o CHICO tá em cima do palco mandando ver 2 horas seguidas de música e encantos… Aos gritos de LINDO! que ecoam do auditorio incontrolável… A elegância e a doçura não se compra nem vende é natural!!!!


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos