Espanha critica Rei por caçar elefante
na Africa em tempo de crise

=======================================================

DEU NO PORTAL EUROPEU TSF

A equipe médica  responsavel pelo tratamento do rei Juan Carlos de Espanha disse que o monarca deverá ficar afastado durante 45 dias, depois de ter fraturado o quadril numa muito criticada viagem de caça a África.

O rei, de 74 anos, que se recupera num hospital de Madrid de uma cirurgia para reconstruir três fragmentos fraturados do quadril e implantar uma prótese, delegou os seus deveres de chefe de Estado ao filho, o príncipe Felipe.

O relatório médico, divulgado a meio da manhã de hoje, revela que o estado de saúde do rei evolui de forma «satisfatória», conseguindo fletir a perna «a 90 graus, com facilidade e sem dor», e caminhar «com total autonomia com muletas».

Juan Carlos deverá iniciar segunda-feira tratamentos de fisioterapia.

O rei sofreu acidente na sexta-feira, na sequência de uma queda durante um safari para caçar elefantes em Okavango, Botswana, tendo sido imediatamente transportado para Espanha num jato particular.

No momento em que Espanha atravessa uma crise financeira, a viagem de Juan Carlos foi alvo de fortes críticas, com vários setores a acusarem o rei de «frivolidade e falta de ética» e a apelarem para que abdique.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Abril 2012
    S T Q Q S S D
    « mar   maio »
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    23242526272829
    30