mar
31
Postado em 31-03-2012
Arquivado em (Artigos) por vitor em 31-03-2012 11:15


————————————————————-
“ai, ai, assim você me… bum!”

=======================================================

CRONICA / O FIM

Antes que o mundo acabe

Janio Ferreira Soares

Leio que o mundo acaba ainda este ano, mais precisamente no dia 21 de dezembro, fim do calendário Maia. Quem diz isso são os adeptos dessa civilização surgida há mais de três mil anos, famosa pelas previsões astronômicas. Segundo a profecia, o fim de tudo se dará quando Niribu, também conhecido como Planeta X, se chocar com a Terra, provavelmente bem na hora em que Roberto Carlos estiver fazendo um dueto com Michel Teló no seu especial de fim de ano (“ai, ai, assim você me… bum!”).

Embora a NASA já tenha desmentido tudo, não precisa ser vidente para ver que o nosso maltratado planeta, mais cedo ou mais tarde, irá se findar. E aí eu fico pensando como será quando esse dia chegar.

Terei tempo de rever alguns filmes de Fellini ou ouvir Gal cantando pela última vez Sua Estupidez, ou será que só teremos direito a um derradeiro telefonema? Neste caso, ligar para quem? Para alguém que você sempre quis dizer “te amo”, mas nunca teve tempo? Para seu chefe, mandando-o àquele lugar? Para um “bença, mãe, será que a senhora pode fazer o melhor bife do mundo em 2 minutos?”. Na dúvida, é melhor seguir Raul (que beleza de filme!) e não ficar com a boca escancarada, cheia de dentes, esperando a morte chegar.

Eu mesmo já comecei a separar livros, discos, cartas de amor e centenas de fotografias para uma retrospectiva geral e ando mapeando a memória em busca de velhas lembranças que possam me acalmar na hora H.

Já consegui me lembrar do gosto do sorvete de coco de seu Manoel e estou perto do sabor de uma baba de moça (posso ser processado, deputados?) que eu comi na ainda bela Salvador. Também já sei que meu fascínio pela sequência esverdeada das penas do beija-flor é por conta de um carrinho de tons semelhantes, até hoje estacionado na garagem da memória. Ainda falta achar a sensação de quando eu mergulhava no São Francisco, embora já saiba que o som das águas é parecido com o do líquido amniótico que eu ouvia quando encostava o ouvido na barriga de minha mulher para um papo antecipado com meus filhos. Que venha Niribu.

Janio Ferreira Soares, cronista, e secretario de Cultura, Turismo e Esportes de Paulo Afonso, na margem baiana do Rio São Francisco.

Be Sociable, Share!

Comentários

vangelis on 31 Março, 2012 at 21:54 #

Hilária!!! Bela crônica…Roberto Carlos em dueto com Michel Teló essa é demais e no fim de tudo BUUUUMM!!!


danilo on 1 Abril, 2012 at 12:23 #

kkk bom de se ler. e os duetos do fim do mundo rendem um bom “Globo de Ouro” ou “We Are The World”, a ser transmitido do Brasil.

que tal Gilberto Gil e Calcinha Preta, Caetano e A Bronka, Chico Buarque e Silvano Salles. e o grand finale, Maria Bethânia e Maria Gadu interpretando Rock das Aranhas. Em ritmo de bolero, é lógico!


larissa on 28 junho, 2012 at 9:05 #

nooooooo confio so en deus pois o resto tudo e bobagem


larissa on 28 junho, 2012 at 9:07 #

ta bom q si fo morrer vai todo numdo nao so um so ser vivo ne


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos