fev
24
Postado em 24-02-2012
Arquivado em (Artigos) por vitor em 24-02-2012 15:28


Pery Ribeiro, em foto de 2009/ O Globo
===========================================================
DEU EM O GLOBO

O cantor e compositor Pery Ribeiro morreu na manhã desta sexta-feira, aos 74 anos, vítima de um enfarte. Ele estava internado há 30 dias no Hospital Universitário Pedro Ernesto, em Vila Isabel, tratando uma endocardite. O cantor tinha alta marcada para esta semana e a morte surpreendeu a família.

“Hoje pela manhã fomos surpreendidos com esse enfarte fulminante”, disse Ana Duarte, esposa de Pery há 20 anos, em entrevista ao G1.

Filho de Herivelto Martins e Dalva de Oliveira, Peri Oliveira Martins iniciou a carreira artística aos três anos de idade, dublando o desenho animado da Disney “Branca de Neve e os Sete Anões” ao lado da mãe. Dalva fazia a voz da Branca de Neve enquanto o pequeno Pery era o anão Dengoso.

Assumiu o nome artístico de Pery Ribeiro em 1959, ao participar do programa de Paulo Gracindo na Rádio Nacional, por sugestão do radialista César de Alencar. Na época, trabalhava como cameraman na TV Tupi.

Em 1963 gravou a primeira versão comercial da canção “Garota de Ipanema”, no LP “Pery é todo bossa”. O disco traz ainda canções de Roberto Menescal e Ronaldo Bôscoli (“Me lembro vagamente”, “Nós e o mar”, “Ah! Se eu pudesse” e “Rio”), Silvio César (“O que eu gosto de você”) e Tito Madi (“Só sei”), além de composições próprias.

Apesar de ter mais de dez discos dedicados à bossa e de sucessos de shows como “Gemini V” (com Leny Andrade e Bossa Três), Pery lamentava nunca ter sua importância para o movimento reconhecida pelo núcleo que frequentava o apartamento de Nara Leão – talvez por sua origem dedicada a uma linhagem de canção mais romântica.

– Havia os cardeais que diziam “isso é bossa nova, isso não é”. A bossa nova poderia ser muito mais abrangente e forte se acolhesse os intérpretes. Gente como eu, Claudette Soares, Agostinho dos Santos. Qualquer movimento musical se difunde pelos intérpretes. Se ficasse só naquele núcleo central, não acredito que teria chegado onde chegou. Ora, nos Estados Unidos, a grande mola propulsora do movimento não foi Tom, e sim Sinatra, que era tão ou menos bossa nova que eu!

Nos últimos meses, Pery trabalhava num projeto de um show sinfônico em homenagem aos pais, com 42 músicos regidos por Amilton Godoy.

(Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/cultura )

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Fevereiro 2012
    S T Q Q S S D
    « jan   mar »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    272829