fev
20
Posted on 20-02-2012
Filed Under (Artigos) by vitor on 20-02-2012

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) condenou nesta segunda-feira o assassinato de dois jornalistas no Brasil e pediu que esses crimes sejam esclarecidos para proteger a liberdade de imprensa.

Os jornalistas são Mario Randolfo, editor do site “Vassouras na NET”, baleado junto com sua esposa em Barra do Piraí, no estado do Rio de Janeiro, no último dia 8, e Paulo Roberto Cardoso Rodrigues, redator-chefe do “Jornal da Praça” e diretor do site “Mercosul News”, que recebeu um disparo mortal quatro dias mais tarde em Ponta Porã, perto da fronteira com o Paraguai.

“Esses crimes são inaceitáveis e constituem um ataque intolerável à profissão do jornalismo e ao direito humano fundamental da liberdade da palavra”, afirmou a diretora-geral da Unesco, Irina Bokova, em comunicado.

A responsável pela agência da ONU pediu “uma investigação exaustiva sobre os crimes”, porque “é essencial que os jornalistas possam continuar informando sem temer por suas vidas e a segurança de seus familiares”.

Segundo os cálculos da Unesco, desde 2002 foram assassinados 11 jornalistas e funcionários da imprensa no Brasil.

A organização apoiou no ano passado um projeto de pesquisa sobre as características e funções dos meios de informação da União Europeia que operam em áreas violentas ou difíceis do Rio de Janeiro, que devem “ajudar aos profissionais desses meios a desenvolver seu trabalho com mais segurança”.

Um ano antes, a Unesco formou 80 profissionais de rádios comunitárias em três regiões do Brasil, incluindo a região do Amazonas.

(Deu no Estadão)


Mudança do Garcia:voz do povo no carnaval baiano
================================================

DEU NO CORREIO

Eudes Benício

Insatisfação com os políticos, reclamação contra a demora em obras públicas e até a revolta pela casa nova que ainda não foi entregue… Na Mudança do Garcia vale tudo. O tradicional bloco de rua, que sai do bairro que lhe dá nome e desfila até o Campo Grande atrasou, mas chegou à Avenida com suas famosas faixas de protesto no começo da tarde desta segunda-feira de Carnaval (19).

“Nossa cidade está passado por muitos problemas. Tem que ser assim, e aproveitarmos esse momento que está todo mundo olhando para protestar. Acho importante”, disse Elmar Guimarães, que já viveu 68 carnavais e há 15 anos sai da Pituba, onde mora, para se juntar aos amigos no Garcia para a folia misturada ao protesto.

O governos municipal e estadual não escaparam dos cartazes da Mudança, que em 2012 completa 65 anos de participação no carnaval soteropolitano. O atraso do metrô e as recentes mudanças no Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano de Salvador (PDDU) estavam entre os principais temas das reclamaçõeS


=================================================
Uma sugestão que vem de Rosane, lá em Caravelas, na costa do extremo sul baiano, para leitores e ouvintes da rainha do axé.

Som na caixa, maestro. Dá-lhe, Dani.

BOA NOITE!!!

(VHS)

Deu no IG

Portela com o enredo sobre a Bahia e Vila Isabel com enredo em homenagem à Angola foram os principais destaques da primeira noite de desfiles na Marquês de Sapucaí, nesse domingo (19). A Portela foi a segunda a desfilar e teve a seu favor o samba que contagiou todas as arquibancadas. Já a Vila, desfilando com o dia claro, contou com alas bastante coloridas e uma África cheia de detalhes ao estilo de sua carnavalesca Rosa Magalhães. As duas escolas têm praticamente como certas vagas no desfile das campeãs no próximo sábado (25).

Imperatriz que falou sobre Jorge Amado e Beija-Flor que cantou São Luis do Maranhão também vieram com várias referências à cultura africana. A primeira se inspirou nas obras do escritor baiano mas não conseguiu levantar o público. Enquanto isso, tentando o bicampeonato a agremiação de Nilópolis trouxe navios negreiros, sincretismo religioso e diversas imagens de orixás para a Sapucaí. O resultado foi uma apresentação vibrante levada principalmente pela garra dos componentes da escola confiante em mais uma vitória.

Fugindo da África, Mocidade, Renascer e Porto da Pedra fizeram cada uma um carnaval diferenciado. A Renascer, que estreou no Grupo Especial, abrindo a noite de desfiles, abusou das cores de Romero Britto para recontar em alegorias a trajetória do pintor pernambucano. Era nítida a alegria de seus integrantes por desfilarem na elite do samba carioca.

Já a Mocidade com a bateria que lembrava os velhos tempos e com uma beleza plástica de impressionar os olhos de todos conseguiu um bom desempenho. A Porto da Pedra contou a evolução do leite até o surgimento do iogurte com alegorias bem acabadas e tendo à frente da bateria Ellen Rocche, uma das mais simpáticas rainhas que passaram nesse domingo.

Dentre as sete agremiações, a Vila foi a que terminou seu desfile com o grito de “É campeã”. Para a segunda noite, são esperadas outras fortes concorrentes ao título de 2012. Entre elas, Unidos da Tijuca, Salgueiro, Mangueira e Grande Rio. A apresentação começa às 21h.


======================================================
A turma do Bahia em Pauta, meio desfalcada pela impossibilidade de Gracinha – foliã-mor – está de partida esta manhã para o Garcia , bairro de Riachão e reduto de outros grandes sambistas da terra.

Vamos acompanhar a Mudança e ver de perto o que sobrou da tradicional troça carnavalesca baiana, que antigamente não poupava ninguém, principalmente políticos corruptos e maus governantes.

Depois, quando der e se valer a pena, a gente conta.

Fiquem com Batatinha e fiquem bem. Temais!!!

(Vitor Hugo Soares)

fev
20
Posted on 20-02-2012
Filed Under (Artigos) by vitor on 20-02-2012


======================================================
Dum, no jornal Hoje em Dia (MG)


Sharon Stone, no carnaval baiano: reeleião de Obama
==============================================
DEU NA COLUNA DE MÔNICA BERGAMO, NA FOLHA DE S. PAULO

salvador

O CRONÔMETRO DE SHARON STONE

A atriz americana Sharon Stone, 53, pisou pela primeira vez no Brasil na sexta-feira, em Salvador. Hospedou-se na suíte presidencial do hotel Pestana, passeou pelo Pelourinho e foi ao shopping comprar sapatos, mas acabou levando uma lingerie.

No sábado, atrasou-se meia hora para chegar ao camarote do portal Terra, que a contratou. Quis refazer o penteado -um rabo de cavalo. Ficou em uma varanda exclusiva para ela e a empresária, Tina, das 20h30 às 23h30, pontualmente.

Stone falou com exclusividade à coluna.

Folha – Está gostando do Carnaval? Muito diferente do que você está acostumada?
Sharon Stone – Não é diferente, é incrível, muito bonito. A música é extraordinária. Acho demais como pessoas de diferentes gerações se juntam para festejar.

Ficou com medo da greve de policiais da Bahia?
Não fiquei sabendo. Estava na Itália e não saiu nada nos jornais de lá.

Você vai apoiar a reeleição do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama?
Sim, eu vou. Ele fez um tremendo trabalho de mudança. Estávamos vivendo uma situação particularmente difícil no governo anterior [George Bush], de guerra [a do Iraque]. Tivemos uma crise econômica que afetou o mundo, inclusive o seu país. Então, estamos numa situação agora de tentar envolver o mundo em mudanças que vão de fato estabilizar a economia mundial. Não acho que nós vamos sentar aqui e discutir política, mas muita coisa mudou globalmente desde a eleição de Barack Obama [em 2008].

Você se considera sexy?
Sim. E você, se considera?

Fica mais difícil conseguir bons papéis depois dos 50?
Eu terminei agora três filmes e vou fazer mais dois. Então, não.

Está animada com seu novo filme, “Attachment”?
Sim, é um filme interessante e Tony Kaye é um ótimo diretor. Amei “A Outra História Americana”. Amei seu documentário “Lake of Fire” (Lago de Fogo), sobre aborto -achei profundo e fascinante. Trabalhei com ele num videoclipe sobre Johnny Cash, depois que Johnny morreu, e foi lindo. Ele é ótimo.

THAIS BILENKY

  • Arquivos

  • Fevereiro 2012
    S T Q Q S S D
    « jan   mar »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    272829