Rancho das Flores”. Vinicius de Moraes fez a letra sobre a música de Johann Sebastian Bach, “Jesus Alegria dos Homens”, para nossa alegria. Aqui a interpretação é da Banda do Corpo de Bombeiros & Coral. Os dois jardins que aparecem são, pela ordem, o Jardim Botânico do Rio de Janeiro e o de Claude Monet em Giverny.

Parada dura, hein Sergio Cabral! Pensou que tudo ia ficar só na Bahia?

BOA NOITE !!!

(VHS)

fev
09


PMs e Bombeiros do Rio:greve declarada na Cinelândia
Foto:O Dia
=============================================

DEU NO JORNAL O DIA

Ricardo Albuquerque

Rio – Os bombeiros e policiais militares entraram em greve geral na noite desta quinta-feira. A decisão foi tomada durante assembleia na Cinelândia, no Centro do Rio. Segundo o comando do movimento, a greve é por tempo indeterminado.

A decisão dos manifestantes é de permanecer parados dentro dos quarteis, a partir da 0h desta sexta-feira.

De acordo com a decisão das duas primeiras assembleias, foi determinado que todos os bombeiros e policiais militares passarão todo o período dentro dos respectivos quarteis. “Se prender um, vai ter que prender todo mundo”, disse Wellington Machado, cabo do 22º BPM (Benfica)

Pouco depois do anúncio da greve de PMs e Bombeiros, foi a vez da Polícia Civil decretar sua greve. Segundo os líderes do movimento na instituição, só atendimento básicos serão realizados. “Pedimos para que as pessoas permaneçam em suas casas”, disse Fernando Bandeira, presidente do Sindicato dos Funcionários da Polícia Civil.

Os líderes dos bombeiros garantiam que haveria greve caso algum item da sua pauta de reinvindicações não fosse atendido pelo governo. Eles pedem a libertação do cabo Benevenuto Daciolo, preso no fim da noite de quarta-feira, auxílio-transporte e alimentação de R$ 350, piso salarial de R$ 3.500 e jornada de 40 horas semanais.

Tropas federais a qualquer momento, diz Beltrame

Tropas do Exército, em caso de greve, podem ser acionadas a qualquer momento para garantir a segurança de moradores e turistas que visitam o Rio, de acordo com o secretário de Segurança José Mariano Beltrame. Nesta quinta-feira, em Brasília, ele disse que o plano está pronto desde os Jogos Pan-Americanos de 2007. “Temos um protocolo de ações construído desde aquele ano, e o foco é o interesse público e manutenção da paz”, ressaltou.

Autoridades da Segurança se reuniram nesta quarta-feira com a cúpula do Comando Militar do Leste para ajustar detalhes do possível pedido de auxílio às tropas federais. Mais cedo, Beltrame disse que acreditava num acordo com os profissionais da Segurança, apelando para o ‘bom senso’ dos servidores.

Aumento aprovado na Alerj

A Assembleia Legislativa do Rio aprovou nesta quinta-feira, por 60 votos a um (duas abstenções e sete faltosos), o projeto de lei que concede 38,81% de aumento aos 122.640 servidores da Segurança Pública, que será quitado em fevereiro de 2013.

O governador Sérgio Cabral voltou a afirmar, na tarde desta quinta-feira, que descartava qualquer possibilidade de greve. Ele citou que o reajuste concedido à categoria representa impacto de R$ 1,8 bilhão nos cofres públicos e disse que confia nas instituições.

“Os profissionais da segurança sabem que esse não é o melhor método e reconhecem que estamos fazendo e que há ainda muito a ser feito. Se todos os meus antecessores tivessem feito o mesmo, o padrão salarial dos militares seria um dos melhores. Mas não fizeram nada antes de mim”, afirmou o governador.


Deputada Janira(Psol): “agi politicamente”

=========================================

A deputada estadual no Rio de Janeiro Janira Rocha (PSOL) afirmou na tarde desta quinta-feira (9) que não cometeu “crime” e que sua conversa com o cabo bombeiro grevista Benevenuto Daciolo, exibida pelo Jornal Nacional, é legítima e apenas a expressão de sua opinião política. Ela defendeu a greve se o governo não abrir espaço para negociação, mas desde que seja sem armas e não leve o “terror” à população.

Janira já vinha se manifestando publicamente e no plenário da Alerj nas últimas semanas a favor do movimento grevista de policiais, bombeiros e agentes penitenciários. Em 2011, foi uma das principais apoiadoras na Casa da greve dos bombeiros no Rio.

“Não cometi crime. Não compactuo com greve armada, que leve terror à população. Eu falei, está gravado. Sou a favor da greve, desde que não haja negociação (por parte do governo). Acho que se avançou muito (com a aprovação do reajuste). Não foi a vontade do governador, mas o que se conseguiu a partir das mudanças incluídas pelos deputados”, afirmou.

De acordo com Janira, ela estava articulando o movimento politicamente, definindo melhores táticas de ação para fortalecê-lo. “A presidenta Dilma Rousseff deve ter ligado para os os governadores Jaques Wagner (Bahia) e Sérgio Cabral (Rio) para discutir qual é a melhor estratégica política, Foi exatamente isso o que fiz”, afirmou a deputada.

Servidora pública do INSS e ex-sindicalista do Sindsprev, Janira afirmou, porém, que “greve em setores essenciais precisa atender a alguns parâmetros”.

“Na saúde, não pode deixar gente sem atendimento; na segurança, tem de garantir cota mínima para atendimento e segurança da população. Não havia boicote ao Carnaval, o que se fez foi usar o Carnaval para que o governo negociasse. O movimento não quer se contrapor ao Carnaval ou às Olimpíadas, mas quer sua dignidade”, afirmou.

(Com informações do IG)

DEU NA COLUNA DE RENATA LO PRETE NA FOLHA DE S. PAULO

Com a mão do gato

Enquanto mantém em público o discurso de que apenas a questão salarial é passível de negociação com os grevistas da PM baiana, Jaques Wagner opera nos bastidores para convencer o Tribunal de Justiça a revogar os pedidos de prisão dos líderes do movimento, principal obstáculo ao fim da paralisação que já dura nove dias.

Nesse período, foram registrados mais de 130 homicídios na região metropolitana de Salvador.

Desembargadores foram procurados pelos principais operadores políticos do governador petista. Ouviram apelo para analisar com boa vontade um pedido de habeas corpus vindo da defesa dos policiais.


======================================

Com graça e afinação Bloco da Saudade canta “Madeira que cupim não rói” do grande mestre carnavalesco Capiba.

BOA TARDE!!!

(VHS)

fev
09
Posted on 09-02-2012
Filed Under (Artigos) by vitor on 09-02-2012


Wando:adeus em Minas Gerais
=================================

Deu no IG

O cantor Wando foi enterrado nesta quinta-feira (dia 9) no cemitério Bosque da Esperança, em Belo Horizonte (MG). Além de familiares e amigos, a cerimônia foi presenciada por inúmeros fãs.

A adiministração do cemitério calcula que cerca de 6 mil pessoas passaram pelo local desde o início do velório do cantor, na quarta-feira. Algumas pessoas cantaram “Fogo e Paixão”, um dos maiores sucessos de Wando, durante o enterro.

A irmã de Wando, Maria das Graças Reis, passou mal e teve de ser retirada do local.

Wando morreu na manhã de quarta-feira, em decorrência de uma parada cardíaca. Ele tinha 66 anos.

Apesar de a família ter avisado que o velório seria apenas para familiares e amigos, muita gente foi ao cemitério prestar homenagens ao cantor.

O governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia, enviou uma coroa de flores. Outra, escrita pela viúva de Wando, Renata Costa Lana e Souza, trazia um texto emocionante: “Você é meu amor, minha paixão, minha vida e sua luz acompanhará a mim e a nossa filhinha pra sempre”.

Wando estava há 12 dias internado no hospital Biocor, em Nova Lima, região metropolitana de Belo Horizonte, com graves problemas cardíacos. Ele havia submetido a uma angioplastia coronariana em caráter de urgência, melhorou nos últimos dias, mas na madrugada de hoje teve um súbito agravamento.

Fatores como estresse, sedentarismo, má alimentação e, principalmente, hereditariedade foram apontadas como as possíveis causas dos problemas cardíacos no cantor.

Bastante conhecido pelo sucesso “Fogo e Paixão”, do disco “O Mundo Romântico de Wando” (1988), Wando começou a carreira em 1969 e se tornou famoso também por suas músicas românticas e pelo fetiche em calcinhas, que colecionava das fãs. Seu último disco de inéditas, “Romântico Brasileiro, Sem Vergonha”, foi lançado em 2005.

fev
09
Posted on 09-02-2012
Filed Under (Artigos) by vitor on 09-02-2012


============================================
Passofundo, hoje, no jornal O Informativo do Vale


Desocupação: Forças do Exercito em ação na Assembléia/
Foto;Correio da Bahia

===========================================

Acaba de ser cumprida, na área do do Centro Administrativo da Bahia, com prisões de líderes mas sem feridos, uma etapa crucial da greve de PMs, que chega esta quinta-feira(9) ao seu décimo dia transformado em fato de repercussão no País e internacionamentel.

Os policiais grevistas que ocupavam a Assembleia Legislativa da Bahia desde o dia 31 de janeiro deixaram o prédio no início desta manhã, por volta das 6h. Dois líderes do movimento que tiveram a prisão decretada pela Justiça, Marco Prisco e Antônio Paulo Angelini, foram presos e pediram para sair pelos fundos do prédio (segundo informações do comando militar).

O pedido foi aceito pela Polícia do Exército e pela Polícia Federal, que fizeram a prisão, e os dois foram levados de helicóptero para uma unidade da Polícia do Exército em Salvador.

Polícia Federal realiza agora operação de varredura nas instalações da Assembléia Legislativa, no Centro Administrativo da Bahia, e a previsão é que o prédio seja devolvido ainda na manhã desta sexta-feira à direção da Casa para suas atividades normais.

Comando da greve de PMs divugou comunicado há pouco afirmando que, mesmo com a desocupação do prédio da Assembléia, “a greve continua”.

Em tempo: A Festa de Itapoã, embora também esvaziada, foi mantida esta quinta-feira(9).

(Postado por Vitor Hugo Soares, com informações do Correio (online) e portal IG)

=============================================


OPINIÃO POLÍTICA

A pomba e o urubu

Ivan de Carvalho

Uma pomba branca tomou tranquilamente, ontem, posição, posando para fotografias, entre as botas de um soldado do Exército, integrante de uma fila deles que compunha a operação de cerco da Assembléia Legislativa da Bahia, ocupada por policiais militares e bombeiros em greve desde o início da noite de terça-feira da semana passada e sitiada durante esta semana.

Mas o ambiente de ontem na área em volta da Assembléia estava muito menos para pombas do que para urubu. A conveniente cordialidade que existira na véspera entre os policiais militares que ocupavam o Palácio Deputado Luís Eduardo Magalhães, sede do Poder Legislativo, acabara.

Durante o dia a situação voltara a ser quase tão tensa quanto na segunda-feira, quando balas de borracha, bombas de “efeito moral” e gás de pimenta foram usados pelos militares sitiantes contra os policiais militares que, fora da Assembléia, procuravam aproximar-se para apoiar (não para invadir) os que ocupavam o prédio-sede do Legislativo.

Nas primeiras horas da noite, no entanto, a tensão cresceu tanto quanto na segunda-feira, gerando correrias de grevistas e de soldados do Exército em perseguição deles, fora do “cordão de isolamento” montado pelo Exército, que ontem já aumentara de pouco mais de 1038 para 1400 o número de tropas no local.

O principal líder dos grevistas no interior da Assembléia, o ex-PM bombeiro Marco Prisco, declarou durante o dia que assim que o governo revogasse os 12 mandados de prisão (dois até então já cumpridos e dez em aberto) contra grevistas, a paralisação seria encerrada. O governo baiano, claro, replicou que isso não era com ele. Foram pedidas, mas uma vez emitidos os mandados de prisão pela Justiça (6ª Vara da Fazenda Pública), só a Justiça poderia alterar ou manter as decisões. Ontem, o Superior Tribunal de Justiça negou habeas-corpus aos dois PMs já presos.

Um forte rumor espalhou-se no começo da noite. A presidente da República, Dilma Rousseff, teria determinado o afastamento do general Gonçalves Dias do comando das operações, desgostosa com a cordialidade entre ele e os grevistas que estavam na orla da área de sítio da Assembléia. O governo estadual também não teria gostado. Na terça-feira, o general (que foi chefe da Segurança do Palácio do Planalto durante os dois mandatos do ex-presidente Lula) fez aniversário. Educadamente, ele ouviu um grupo de PMs cantar parabéns e emocionou-se quando um deles lhe deu um bolo de aniversário e o abraçou. Também dissera que sua missão ali era isolar a Assembléia, não invadir, e garantira que não haveria combate.

A notícia sobre o afastamento do general do comando das operações foi dada com diferença de minutos (entre 19:09 horas e 19:16 horas) pelos sites Política Livre e Bahia Toda Hora e pelo Blog do Noblat. A informação teria partido de uma não determinada “fonte do governo do Estado”.

No começo da noite de ontem, quando estas linhas eram escritas, parecia que as possibilidades de negociação estavam esgotadas. O enigma era o desfecho que o caso terá, se haverá ou não invasão da AL, quando isto acontecerá, se ocorrer, e se, ocorrendo, haverá combate. Ou se os PMs deixarão o prédio, vencidos pela pressão psicológica, pela falta de água, energia, alimentos e até medicamentos, cujo ingresso já não foi permitido ontem.

Por um lado, a greve de militares (e é o caso dos PMs) caracteriza motim. Por outro, o PT, sempre que teve oportunidade, estando na oposição, apoiou e até ajudou greves de policiais militares. Politicamente, hoje bebe do seu próprio veneno.

Mas a vítima maior é a sociedade.

http://youtu.be/NCsWYni3_oI
============================================
Tema de abertura da novela “Fogo Sobre Terra”, de 1974, da Globo, composto magistralmente por Toquinho e Vinicius de Moraes . A força melódica da interpretação que une o MPB4 com o Quarteto em Cy completa a química perfeita deste clip. Confira.

BOA NOITE!!!

(Vitor Hugo Soares)

  • Arquivos

  • Fevereiro 2012
    S T Q Q S S D
    « jan   mar »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    272829