fev
07
Postado em 07-02-2012
Arquivado em (Artigos) por vitor em 07-02-2012 18:09


Marco Prisco:”condições essenciais”
==============================================
DEU NO G1 Bahia

No oitavo dia de paralisação de parte da Polícia Militar no estado da Bahia, o líder do movimento grevista, Marco Prisco, delimita três reivindicações como os itens principais para chegar a um acordo com o governo. “Queremos anistia administrativa, revogação das prisões e pagamento da Gratificação por Atividade Policial 4 e 5, as chamadas GAP. Somente com essas três reivindicações a greve terá fim”, disse Prisco, que representa um grupo dos PMs que ocupa a Assembleia Legislativa do estado..

No fim da manhã, o governador Jaques Wagner disse que a expectativa é de que a greve da Polícia Militar acabe ainda nesta terça-feira (7). “Meu esforço está sendo esse, muito grande, fazendo propostas consistentes para que a gente possa terminar esse movimento ainda hoje”, declarou em entrevista à TV Bahia, afiliada da Globo no estado.

O pagamento das Gratificações por Atividade da Polícia Militar de número 4 e 5, que está entre as principais exigências dos manifestantes, não tem como ser incluso “imediatamente” no orçamento do governo o aumento solicitado, disse o governador. Segundo ele, é possível incorporar a gratificação ao soldo, como é chamado o salário dos soldados, até 2015. Um dos integrantes do movimento grevista, que não se identifica, diz que eles aceitam o pagamento escalonado apenas se todos os 12 mandados de prisão já expedidos forem revogados.

“Divida isso em seis anos de mandato. É pouco para uma cidade como Salvador, que tem nível alto de violência. O que estamos pedindo é simples, é apenas o cumprimento da lei 7.145/1997, que diz que todos os policiais que trabalham 40 horas, a carga horária máxima, devem receber a gratificação [GAP V]. Mas eles não querem negociar”, disse Prisco.

De acordo com a Polícia Militar da Bahia, o soldo de um soldado é de R$ 566, 44. Com o pagamento da GAP 3, que ocorre atualmente no valor de R$ 1.454,49, o salário sobe para R$ 2.173,87, referente à carga horária máxima. Se a GAP 5 fosse incorporada, Prisco afirma que o salário bruto dos PMs subiria para cerca de R$ 3.680. “A nossa mobilização é pacífica, ordeira, queremos dialogar. Desde o início a nossa palavra é negociar”, relata.

Be Sociable, Share!

Comentários

Graça Azevedo on 8 Fevereiro, 2012 at 18:54 #

Pacífico? E os ônibus “sequestrados” fechando a Paralela?


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Fevereiro 2012
    S T Q Q S S D
    « jan   mar »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    272829