Deu ma Tribuna da bahia (Online)

Maíra Côrtes

Associações de Salvador e do interior baiano que não tinham aderido à greve junto à Associação dos Policiais, Bombeiros e seus Familiares do Estado da Bahia (Aspra), informaram nesta segunda-feira (6), que podem mudar de posição, caso o governo permaneça “intrasigente e violento”.

São elas: Associação dos Oficiais da Polícia Militar da Bahia – Força Invicta, da Associação dos Praças da Polícia Militar da Bahia – APPM, da Associação dos Subtenentes, Sargentos e Oficiais da Polícia Militar da Bahia – ABSSO de Salvador, Itaberaba e Ilhéus, da Associação de Policiais e Bombeiros da Bahia – Aspojer

A chegada do exército para desocupar a Assembleia Legislativa, onde os grevistas estão acampados desde a madrugada da última quarta-feira (1º), tornou a situação mais tensa no Centro Administrativio da Bahia. Até o início desta de hoje, algumas pessoas foram feridas com balas de borracha disparadas pelos soldados, que também usaram bomba de gás lacrimogênico.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Fevereiro 2012
    S T Q Q S S D
    « jan   mar »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    272829