A Grã-Bretanha iniciou a retirada de seu pessoal diplomático em Teerã após o ataque à embaixada ocorrido ontem(29), anunciou a diplomacia britânica.

«Na sequência dos acontecimentos de ontem e para garantir a sua segurança, o pessoal está saindoair de Teerã», disse um porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros, confirmando assim informações de fontes diplomáticas no local.

Entretanto, o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, disse estar «chocado e indignado» com o ataque à embaixada levado a cabo por manifestantes islâmicos.

A secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, também condenou, de forma veemente, o ataque à representação diplomática, definindo-o como uma afronta ao povo britânico e à comunidade internacional, tendo afirmado ainda que os Estados Unidos esperam que o governo do Irã proteja a vida e propriedade dos diplomatas.

Ban Ki-moon e Hillary Clinton falavam em Busan, na Coreia do Sul, à margem de um fórum para o desenvolvimento.

Dezenas de manifestantes entraram na terça-feira na embaixada do Reino Unido em Teerão, sem oposição da polícia, e substituíram a bandeira britânica pela iraniana.

(Com informações do portal europeu TSF)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • novembro 2011
    S T Q Q S S D
    « out   dez »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930